Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


15 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Governo reúne entidades para discutir sobre o Banco de Alimentos - Jornal Brasil em Folhas
Governo reúne entidades para discutir sobre o Banco de Alimentos


A Secretaria de Estado do Desenvolvimento Social (Sedes) convocou para uma reunião, na sexta-feira (16), com presidentes e representantes das entidades que serão beneficiadas com a implantação do Banco de Alimentos no Maranhão. O objetivo foi informar a operacionalização do Banco e esclarecer às instituições quais os documentos que serão exigidos para que elas participem do projeto.

A criação do Banco de Alimentos no estado foi desenvolvida em parceria com a Cooperativa dos Hortifrutigranjeiros e com a Central de Abastecimento do Maranhão (Ceasa), a fim de minimizar os efeitos da fome e o desperdício de alimentos próprios para consumo, que complementarão a alimentação de milhares de pessoas em situação de risco alimentar e social. O secretário da Sedes, Neto Evangelista, explicou que o Banco de Alimentos é mais um grande investimento do Governo do Estado em prol das famílias maranhenses que ainda estão dentro do índice de insegurança alimentar.

“O governador Flávio Dino tem investido fortemente na política de segurança alimentar, desde o aumento dos equipamentos, como restaurantes populares, cozinhas comunitárias e agora o Banco de Alimentos que, além de fazer toda essa rede de arrecadação e doação de alimentos, vai constituir uma rede de ensino e capacitação de segurança alimentar para que a política não fique só no equipamento, mas que possa passar para dentro das comunidades”, afirmou o secretário Neto Evangelista.

Para Marinalva Jesus Couto, representante na Associação de Moradores da Vila Mauro Fecury II, o projeto do Governo do Estado, que será executado pela Sedes, vai melhorar muito a vida das famílias daquele bairro. “Nossa região precisa de muitas melhorias, de um olhar mais cuidadoso por parte do poder público. Por isso, a cada ação, vibramos de alegria. E este momento aqui, ao saber que seremos agraciados com um projeto macro como a implantação de um Banco de Alimentos que atenderá nosso bairro, é de uma felicidade muito grande para todos nós. Sabemos que essa iniciativa mudará para melhor a vida de muitas famílias”, disse Marinalva.

Pensamento similar tem a dona Deusimar Rezende Lima, que representou a Escola Comunitária Professor Cidinho Marques, localizada no bairro Pirâmide – Paço do Lumiar. “Nossa escola atende 100 crianças e funciona em um bairro carente, com essa iniciativa do poder público, vamos conseguir oferecer aos nossos alunos uma alimentação mais diversificada e de qualidade”, explicou.

Segundo a secretária Adjunta de Segurança Alimentar e Nutricional da Sedes, Lourvídia Caldas, o projeto foi implantado para públicos específicos. São eles: Pessoas inscritas no CadÚnico, famílias, crianças, adolescentes, adultos, idosos e outros em situação de insegurança alimentar e nutricional e vulnerabilidade social, entidades sociais cadastrados no Conselho Estadual de Assistência Social (Ceas), mediante prévia análise situacional realizada pela equipe técnica da Sedes e entidades da rede sócioassistencial regularmente constituídas, que atendam a indivíduos em situação de vulnerabilidade social.

 

Últimas Notícias

Presidente Díaz-Canel defende trabalho de médicos cubanos no Brasil
Ministério vai lançar edital para repor vagas de médicos cubanos
CFM afirma que há médicos suficientes para atender Brasil
Associação lança projeto para conscientizar população sobre diabetes 2
Transposição do S. Francisco está na pauta de prioridades da transição
Temer inaugura primeira etapa do acelerador de elétrons Sirius
Temer diz que decidirá “lá na frente” reajuste de ministros do STF
Só um governador do Nordeste participa de encontro em Brasília

MAIS NOTICIAS

 

Volume de vendas do varejo cai 1,3% em setembro
 
 
Gilmar Mendes suspende decisão que obriga bancos a ressarcir clientes
 
 
Prefeitos e secretários pedem para manter cubanos no Mais Médicos
 
 
Em depoimento, Lula nega que é dono de sítio em Atibaia
 
 
Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 33 milhões no próximo sorteio
 
 
Enem: estudantes fazem hoje prova de matemática e ciências da natureza

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212