Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


14 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Estação Cultura em SP recebe exposição de Elifas Andreato até 29 de março - Jornal Brasil em Folhas
Estação Cultura em SP recebe exposição de Elifas Andreato até 29 de março


Até o dia 29 deste mês, a exposição Elifas Andreato - A Arte Negra na Cultura Brasileira poderá ser vista na Estação Cultura em São Paulo. Aberta nessa terça-feira (20) à noite, a mostra, com 12 obras do artista, marca o Dia Internacional Contra a Discriminação Racial, celebrado hoje (21). A entrada é gratuita. O Estação Cultura é o espaço de exposições da Secretaria da Cultura de São Paulo.

Elifas Andreato tem mais de 50 anos de carreira, com destaque na criação de capas de discos para músicos da MPB, que inclui mais de 400 trabalhos. Ele recebeu em 2011 o Prêmio Especial Vladimir Herzog, concedido a pessoas voltadas à defesa de valores éticos e democráticos e à luta pelos direitos humanos, conforme material de divulgação da mostra. A curadoria da exposição é do próprio artista e do filho dele, Bento Andreato.

Entre as obras selecionadas, está Menino e Bandeira, uma das ilustrações mais icônicas de Andreato. O público poderá conferir também o olhar do artista sobre personalidades como Adoniran Barbosa, Clementina de Jesus, Cartola, Martinho da Vila e Paulinho da Viola. O secretário estadual de Cultura, José Luiz Penna, destacou que a mostra começa na sede do órgão, mas que deve percorrer o estado em outros espaços culturais.

Bienal Afro

Lançada no mesmo evento, também faz parte das celebrações do Dia Internacional Contra a Discriminação Racial a 1ª Bienal Afro-Brasileira do Livro (BienAfro). O homenageado desta primeira edição, que ocorre em dezembro, será o abolicionista Luiz Gama.

O foco é a produção literária de afrodescentes nascidos no Brasil e nas Américas, além de escritores do Continente Africano. A BienAfro é apoiada pelo governo estadual, por meio da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo e da Universidade Estadual Paulista (Unesp).

O secretário de Cultura disse que as duas atividades marcam a visão do órgão de apoiar a pluralidade cultural. “É uma forma também de dizer que temos interesse pela diversidade cultural. O que nos interessa é essa pluralidade cultural, esse referencial afro-brasileiro transformador da nossa civilização. Queremos discutir isso: a relação com essa influência tão generosa do africanismo sobre a nossa gente”, afirmou Penna.

O Estação Cultura fica na Rua Mauá, número 51, no bairro da Luz, na sede da Secretaria da Cultura do Estado, no centro da capital.

Edição: Graça Adjuto

 

Últimas Notícias

Nordeste perdeu 1 milhão de trabalhadores no campo de 2012 para 2017
IBGE prevê em 2019 safra de grãos 0,2% menor que a de 2018
Safra de grãos pode chegar a 238,3 milhões de toneladas, diz Conab
Banco do Brasil tem lucro de 14,3% no terceiro trimestre
Percentual de inadimplentes recua em outubro, diz CNC
Boletos vencidos de todos os tipos serão pagos em qualquer banco
Leonardo de Morais toma posse na presidência da Anatel
Natal deve movimentar R$ 53,5 bilhões na economia do país, prevê SPC

MAIS NOTICIAS

 

No Congresso, Temer defende reuniões frequentes entre Poderes
 
 
Bolsonaro reafirma, no Congresso, compromisso com a Constituição
 
 
Bolsonaro critica Enem e diz que prova deve cobrar conhecimentos úteis
 
 
Governo de transição dividiu trabalhos por temas em dez frentes
 
 
Para ministro, é “mais simples” unir MEC com Ciência e Tecnologia
 
 
Bolsonaro e Temer iniciam hoje formalmente governo de transição

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212