Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


17 de Jan de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Câmara faz sessão solene para celebrar Dia Internacional do Direito à Verdade - Jornal Brasil em Folhas
Câmara faz sessão solene para celebrar Dia Internacional do Direito à Verdade


Nesta quinta-feira (22), uma sessão solene na Câmara comemora o Dia Internacional do Direito à Verdade, sobre graves violações aos direitos humanos e da dignidade das vítimas. A data comemorativa oficial é 24 de março, sábado, e foi instituída pela ONU em 2010 para relembrar o dia em que foi executado com um tiro no peito o bispo Dom Oscar Romero, em El Salvador.

Dom Oscar Romero foi morto por se opor aos métodos da ditadura e às constantes violações dos direitos humanos naquele país da América Central.

No Brasil, a data será comemorada pela primeira vez este ano, depois da sanção, em janeiro, da lei que inclui a homenagem no calendário oficial (Lei 13.605/2018).

A comemoração foi instituída depois da aprovação de projeto de lei (PL 4903/12) apresentado pela deputada Luiza Erundina (Psol-SP). Ela anunciou que neste ano a homenagem será estendida à vereadora carioca Marielle Franco, do Psol, assassinada no Rio de Janeiro na semana passada junto com o motorista Anderson Gomes.

Para Luiza Erundina, a sessão solene na Câmara e um ato previsto para sábado na PUC de São Paulo servirão de alerta para a ameaça aos direitos humanos no Brasil.

“Vamos procurar dar força e sentido a esses eventos no sentido de retomar, com muito mais energia, organização e força, a resistência ao retrocesso e à ameaça concreta aos direitos humanos e também os riscos graves à democracia e ao estado democrático de Direito no nosso país, afirmou Erundina.

Intervenção no Rio
Atuante na defesa de direitos humanos e integrante também do movimento LGBT e negro, Marielle Franco chegou a denunciar, antes de morrer, abusos cometidos por policiais contra jovens da periferia já na vigência da intervenção federal no Rio de Janeiro.

O bispo católico Dom Oscar Romero foi assassinado em 1980 quando celebrava uma missa na capela do Hospital da Divina Providência, em San Salvador, capital de El Salvador. A execução é atribuída a militares do Esquadrão da Morte de El Salvador, a mando da ditatura que governava o país.

Trinta e oito anos depois, Dom Oscar Romero será reconhecido como santo da Igreja Católica em cerimônia de beatificação prevista para este ano pelo Vaticano.

Informações
A sessão solene na Câmara dos Deputados ocorre nesta manhã no Plenário Ulysses Guimarães. Já a celebração do Dia Internacional da Verdade será no dia 24 de março, na PUC de São Paulo, às 13h30.

Reportagem - Antonio Vital
Edição – Roberto Seabra



 

Últimas Notícias

John Forman recusa cargo no Conselho de Administração da Petrobras
Em visita oficial, Macri é recebido no Planalto por Bolsonaro
Mercado financeiro prevê inflação em 4,02% neste ano
Consultas de CPFs para vendas a prazo no comércio crescem 2,8%
Produção de bicicletas aumenta 15,9% no Brasil
Receita abre consulta a restituição do Imposto de Renda de 2008 a 2018
Ex-comandante da Marinha é indicado para o conselho da Petrobras
Inflação para idosos fecha 2018 em 4,75%, informa FGV

MAIS NOTICIAS

 

ANP aprova credenciamento de empresa certificadora
 
 
Política de combate à inflação foi bem-sucedida, diz presidente do BC
 
 
Marcos Pontes: fusão de Embraer e Boeing preserva interesses do país
 
 
Número de linhas de celular tem maior queda do ano em novembro
 
 
ANP: Petrobras pede prazo maior para definir quais campos vai explorar
 
 
Ex-presidente do Banco Central defende política econômica do governo

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212