Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


16 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Ministra reforça ação contra o Aedes aegypti em Minas Gerais - Jornal Brasil em Folhas
Ministra reforça ação contra o Aedes aegypti em Minas Gerais


A ministra das Mulheres, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos, Nilma Lino Gomes, visitou nesta sexta-feira (10) as instalações da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), em Belo Horizonte, em mais uma ação do governo federal de combate ao mosquito Aedes Aegypti em prédios públicos. Na ocasião, ela destacou a parceria de sua pasta com o Ministério da Saúde, que já apresentou resultados, como a distribuição de repelentes para gestantes beneficiadas pelo programa Bolsa Família.

A Faculdade de Medicina da UFMG vem desenvolvendo diversas ações contra o mosquito transmissor da dengue, vírus zika e febre chikungunya. Na área externa do edifício, as luminárias do jardim foram vedadas e também foi realizada a instalação de placas informativas.

Igualdade Racial

Além da ação contra o Aedes aegypti, a ministra participou da entrega de equipamentos doados pelo governo federal aos conselhos tutelares de 38 municípios de Minas Gerais. Cada um recebeu um veículo, cinco computadores, uma impressora, um bebedouro e um refrigerador.

Em seguida, ela se encontrou com o governador Fernando Pimental para a assinatura do termo de adesão de Minas Gerais ao Sistema Nacional de Promoção da Igualdade Racial (Sinapir). Criado por meio do Estatuto da Igualdade Racial, sancionado em 2010, esse sistema busca organizar e articular políticas e serviços voltados para a superação das desigualdades raciais em todo o país.

A adesão é voluntária. Segundo a ministra, quase 100 estados e municípios já aderiram ao Sinapir. O sistema ainda é novo, mas esperamos que ele se alastre pelo Brasil, descentralizando as medidas de combate da desigualdade racial, disse.

O Sinapir vem abrindo editais para seleção de projetos que englobem o poder público e as universidades. Outra ação prevista pelo sistema é estimular a criação nas cidades dos conselhos de promoção da igualdade racial. Segundo o secretário de Direitos Humanos de Minas Gerais, Nilmário Miranda, apenas 34 dos 853 municípios do estado possuem conselho.

 

Últimas Notícias

Presidente Díaz-Canel defende trabalho de médicos cubanos no Brasil
Ministério vai lançar edital para repor vagas de médicos cubanos
CFM afirma que há médicos suficientes para atender Brasil
Associação lança projeto para conscientizar população sobre diabetes 2
Transposição do S. Francisco está na pauta de prioridades da transição
Temer inaugura primeira etapa do acelerador de elétrons Sirius
Temer diz que decidirá “lá na frente” reajuste de ministros do STF
Só um governador do Nordeste participa de encontro em Brasília

MAIS NOTICIAS

 

Volume de vendas do varejo cai 1,3% em setembro
 
 
Gilmar Mendes suspende decisão que obriga bancos a ressarcir clientes
 
 
Prefeitos e secretários pedem para manter cubanos no Mais Médicos
 
 
Em depoimento, Lula nega que é dono de sítio em Atibaia
 
 
Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 33 milhões no próximo sorteio
 
 
Enem: estudantes fazem hoje prova de matemática e ciências da natureza

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212