Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


19 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Municípios do Delta do Parnaíba recebem os projetos Mais Qualificação e Turismo e Mais Movimento e Regionalização neste início de abril - Jornal Brasil em Folhas
Municípios do Delta do Parnaíba recebem os projetos Mais Qualificação e Turismo e Mais Movimento e Regionalização neste início de abril


Os municípios de Água Doce, Araioses, Paulino Neves e Tutóia, cidades que fazem parte do Polo Delta do Parnaíba, recebem os projetos ‘Mais Qualificação e Turismo’ e ‘Mais Movimento e Regionalização’. O objetivo do Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado de Cultura e Turismo (Sectur), será fomentar o desenvolvimento local através do Turismo, entre os dias 02 e 07 de abril.

A visita da equipe da Secretaria Adjunta de Turismo da Sectur aos municípios do Polo cumprirá uma agenda com reuniões técnicas, palestras, cursos de qualificação, levantamento dos atrativos, ações voltadas para o sistema de Cadastro de Pessoas Físicas e Jurídicas do Turismo (Cadastur) e Combate à Exploração Sexual Infantil no Turismo (TSI).

O secretário adjunto de Turismo, Hugo Veiga, disse que a intenção será fomentar o turismos nestas localidades, além de contribuir para a qualificação dos moradores destes municípios.

“O nosso objetivo é atrair o turismo pelo Maranhão, porém para que isso aconteça, estamos desenvolvendo cursos de qualificação para que moradores e empresários do setor do turismo estejam preparados para melhor atender aqueles que nos visitam”, afirma Hugo Veiga.

Dentre os cursos ofertados estão: Como Montar um Negócio; Organização de Eventos; Qualidade no Atendimento para Condutores de Passeio; Boas Práticas para Manipuladores de Alimentos; Informações Turísticas; Mídias Sociais e Projetos de Turismo em Gestão Pública.

A superintendente de regionalização, Glória Pinto, disse que a visita aos dez polos turísticos maranhenses, é uma forma de conscientizar a população dos 53 municípios, sobre o Conselho Municipal de Turismo (Comtur) e a instância de governança.

“Queremos estimular o desenvolvimento da instância de governança nos 10 polos turísticos do Maranhão, pois é uma forma de empreender no segmento turístico e estimular o turismo pelo Maranhão”, falou Glória Pinto.

Mais Qualificação e Turismo

O projeto ‘Mais Qualificação e Turismo’ prepara a comunidade dos municípios dos polos turísticos maranhenses por meio de palestras, cursos, minicursos e oficinas, além de fazer a atualização do cadastro de pessoas físicas e jurídicas que atuam no Turismo no Cadastur. Em todas as ações é destacada a importância de envolver a cadeia produtiva para a incorporação de conhecimentos técnicos, teóricos e operacionais.

O Plano Mais IDH, que também soma atividades do ‘Mais Qualificação e Turismo’, é uma iniciativa do Governo do Maranhão para melhorar índices de desenvolvimento nos 30 municípios menos desenvolvidos do estado por meio de ações integradas de diferentes órgãos e secretarias a fim de garantir dignidade, educação, infraestrutura básica, saneamento, cidadania, trabalho e renda para suas populações.

Cadastur

Outra ação direcionada aos empresários do turismo é o programa Cadastur, que tem por finalidade inserir as empresas no Cadastro Nacional do Ministério do Turismo, possibilitando benefícios como acesso a financiamento, apoio em eventos, feiras e ações do Ministério do Turismo, incentivo à participação de programas e projetos do governo federal, entre outros.

Regionalização

O Polo Delta das Américas também acolherá as ações do programa Regionalização, realizado em parceria com o Ministério do Turismo, como parte do Programa de Regionalização do Maranhão.

O programa reúne ações de maneira associada e articulada de incentivo à estruturação dos 10 Polos Turísticos, como reuniões técnicas com gestores e secretários de Turismo e curso de Gestão Pública para o Turismo e Projetos Técnicos.

Nessaoportunidade, também será feita a identificação dos atrativos e das condições de infraestrutura das localidades, servindo de base para conscientização e monitoramento para o remapeamento em 2019.

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212