Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


14 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Lei de Defesa do Usuário dos Serviços Públicos será regulada em Goiás - Jornal Brasil em Folhas
Lei de Defesa do Usuário dos Serviços Públicos será regulada em Goiás


Na abertura da Oficina de Trabalho que reuniu nesta terça-feira, dia 3, ouvidores e servidores que atuam em atividades de ouvidoria de todos os órgãos do governo estadual e de outras instituições públicas, o secretário de Gestão e Planejamento, Joaquim Mesquita anunciou que até o fim deste mês encaminha à Casa Civil minuta do decreto que vai regulamentar, no Estado, a aplicação da Lei Federal nº 13.460/2017, que dispõe sobre participação, proteção e defesa dos direitos do usuário dos serviços públicos.

O encontro de trabalho, no auditório do Edifício Vera Lúcia, no Setor Oeste, em Goiânia, contou também com o secretário-chefe da Controladoria-Geral do Estado, Adauto Barbosa Júnior, além de outras autoridades. Joaquim Mesquita disse que a implementação da Lei 13.460 (mais o Decreto Estadual que vai tratar das especificidades do Estado), passa necessariamente pelas ouvidorias públicas, que são canais pelos quais os cidadãos se manifestam e dialogam com o governo.

Ele afirmou também que as ouvidoras precisam ser fortalecidas em suas estruturas e os servidores valorizados. Mesquita acrescentou que todos os órgãos do Estado precisam contar com unidades de ouvidorias, em especial os de maior demanda, e que haja interlocutores e equivalentes a ouvidores nas unidades menores, para que as demandas dos cidadãos possam ser ouvidas e tratadas adequadamente pelo governo.

O coordenador da Ouvidoria do SUS/Secretaria da Saúde, Hardwicken Miranda, falou sobre a importância do trabalho realizado pelas ouvidorias, lembrando que o cidadão, a todo momento, demanda solução para os seus problemas e as ouvidorias precisam dar respostas consistentes e adequadas às suas demandas. Diante disso, ele defendeu a melhor estruturação de todas as unidades de ouvidoria e também a valorização dos servidores que desempenham essa atividade. Ele lembrou que muito já foi feito, mas é necessário assegurar estrutura e condições de trabalho ainda melhores para garantir o efetivo papel reservado às ouvidorias.

Diagnóstico
O superintendente de Ouvidoria-Geral da Controladoria-Geral do Estado, Gustavo Franco Martins Monteiro, apresentou diagnóstico realizado no fim do ano passado, trabalho que teve como objetivo conhecer a realidade do segmento de ouvidorias no âmbito do Poder Público Estadual. O levantamento mostrou que 40 órgãos do governo estadual possuem serviços de ouvidoria. Do total, apenas 11 dos maiores órgãos contam com ouvidorias estruturadas e o restante com interlocutores que desempenham este papel. Segundo ele, a meta é que todas as unidades tenham ouvidorias.

Outro dado relevante é que 137 pessoas atuam na atividade de ouvidoria no Estado. Quanto aos atendimentos, foi constatado que os 12 órgãos de maior porte que possuam ouvidorias estruturadas concentram 90% de toda a demanda nos órgãos estaduais. Outra informação é que em 2017, cerca de 80% dos servidores que atuam na atividade de auditoria receberam algum tipo de treinamento/capacitação proporcionada pela Superintendência de Ouvidoria-Geral da CGE.

A parte final do encontro foi dedicada a troca de informações, perguntas e questionamentos dos representantes dos órgãos, com foco no alinhamento das ações, busca de parcerias e fortalecimento da atividade. Além de representantes das ouvidorias e interlocutores dos órgãos do Estado, participaram do encontro representantes das ouvidorias de instituições como o Tribunal de Contas do Estado, Tribunal de Contas dos Municípios, Tribunal Regional Eleitoral, Tribunal de Justiça, Ministério Público e Assembleia Legislativa.

 

Últimas Notícias

Nordeste perdeu 1 milhão de trabalhadores no campo de 2012 para 2017
IBGE prevê em 2019 safra de grãos 0,2% menor que a de 2018
Safra de grãos pode chegar a 238,3 milhões de toneladas, diz Conab
Banco do Brasil tem lucro de 14,3% no terceiro trimestre
Percentual de inadimplentes recua em outubro, diz CNC
Boletos vencidos de todos os tipos serão pagos em qualquer banco
Leonardo de Morais toma posse na presidência da Anatel
Natal deve movimentar R$ 53,5 bilhões na economia do país, prevê SPC

MAIS NOTICIAS

 

No Congresso, Temer defende reuniões frequentes entre Poderes
 
 
Bolsonaro reafirma, no Congresso, compromisso com a Constituição
 
 
Bolsonaro critica Enem e diz que prova deve cobrar conhecimentos úteis
 
 
Governo de transição dividiu trabalhos por temas em dez frentes
 
 
Para ministro, é “mais simples” unir MEC com Ciência e Tecnologia
 
 
Bolsonaro e Temer iniciam hoje formalmente governo de transição

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212