Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


19 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Julgamento no STF vira foco da imprensa latina - Jornal Brasil em Folhas
Julgamento no STF vira foco da imprensa latina


Os jornais argentinos colocaram na capa e com destaque de fotografias e detalhamentos o julgamento no Supremo Tribunal Federal do Brasil (STF) do habeas corpus do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. A sessão foi acompanhada ao vivo pelos principais veículos da Argentina. De forma semelhante, reagiu a imprensa no Chile e no Peru, destacando o assunto nos jornais.

O conservador La Nación diz que a decisão do Supremo “sacudiu o tabuleiro do Brasil”. O jornal esquerdista Pagina 12 classificou de “golpe judicial” na manchete: “O Povo Brasileiro tem o direito de votar em Lula”.

Jornal de maior circulação na Argentina, o Clarín observa como “dramática definição” a decisão do STF e afirma que há uma “incerteza política” no vizinho e principal parceiro comercial da Argentina.

Na Argentina, os jornais especulam a possibilidade de que o presidente argentino Mauricio Macri poderia aproveitar a “debilidade brasileira” para assumir o papel de líder regional.

O ex-presidente do Chile Ricardo Lagos usou o Twitter para analisar a decisão do STF, que classificou como “má notícia para a democracia” da América Latina, segundo o jornal La Tercera. Reportagem do jornal El Mercurio informa que Lula “pode ir a prisão sob condenação por corrupção”.

No Peru, os jornais também destacaram a votação do STF. O El Comércio colocou na capa: “Rejeitam o habeas corpus de Lula e [ele] fica a um passo da cadeia”, enquanto o La República diz que o ex-presidente está “a caminho da cadeia por uma decisão do STF”.

O julgamento no Supremo ocorreu no momento em que a Operação Lava Jato também é desdobrada nos países vizinhos ao Brasil, Peru, Chile e Argentina. Júlio de Vido, ex-ministro do Planejamento, foi indiciado sob suspeita de ter sido favorecido com contratos de US$ 2,3 bilhões para a construção de gasodutos via Odebrecht.

No Peru, há três semanas, Pedro Pablo Kuczynski renunciou ao cargo de presidente do Peru, após 19 meses na função. A decisão foi tomada as vésperas da votação do impeachment (o segundo desde dezembro) por seu suposto envolvimento no escândalo da Odebrecht.

Edição: Maria Claudia

 

Últimas Notícias

Centro está preparado para lançamento de foguete após acidente
Cidades brasileiras integram programa de preservação de florestas
MP denuncia ex-marido de corretora assassinada no Rio
Bolsonaro segue estável e internado no Hospital Albert Einstein
Goiás entra para a elite dos Estados mais competitivos do País
Petrobras eleva gasolina em 2 centavos; diesel permanece inalterado
MME faz consulta sobre planejamento da transmissão de energia elétrica
Inadimplência do consumidor subiu 3,63% em agosto

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212