Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


19 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Batalhão Corpo de Bombeiros irá atender 13 bairros na região do Distrito Industrial - Jornal Brasil em Folhas
Batalhão Corpo de Bombeiros irá atender 13 bairros na região do Distrito Industrial


O Governo de Mato Grosso inaugurou na manhã desta quarta-feira (04.04) dois importantes espaços para a administração pública. O primeiro é o Centro Logístico de Armazenamento e Distribuição do Estado (Celad), e o segundo é a sede do Batalhão de Emergências Ambientais do Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso (BEA), que é a unidade do Corpo de Bombeiros responsável pelo combate a acidentes que coloquem em risco o meio ambiente.

O secretário-chefe da Casa Civil, Júlio Modesto, afirmou que o Governo do Estado vai economizar com a centralização da logística. “Além disso o Batalhão do CBM sempre foi uma necessidade na região das indústrias do distrito”, completou o secretário que chefiava a pasta da gestão até esta semana. Ambas as estruturas funcionam na mesma área, em galpões independentes. O local pertence ao empresário Erivelton Gasques e foi alugado ao Governo de Mato Grosso por R$ 250 mil mensais. A área construída do BEA tem 650 metros quadrados. Além disso, existe o pátio externo de estacionamento para as cinco viaturas de combate a incêndios e os veículos menores.

O Comandante-geral do CBMMT, Coronel BM Alessandro Borges, afirmou que é um momento histórico para a corporação já que o batalhão não tinha sede própria até agora. “O BEA é uma unidade preparada para atuar em incêndios florestais e sua Companhia de Emergência com Produtos Perigosos está instalada na região em que ela é mais necessária, o Distrito Industrial de Cuiabá”, observou o comandante.

O BEA, criado por decreto em 2010, é composto atualmente por 40 militares, viaturas Auto Bomba Tanque Florestal (ABTF) e aviões de combate a incêndio florestal. A estrutura se divide entre as companhias de Combate a Incêndio Florestal, Emergência com Produtos Perigosos e o Grupo de Aviação de Bombeiro Militar. A sede do batalhão vai atender as ocorrências no Distrito Industrial e mais 13 bairros adjacentes, além das ocorrências que põem em risco o meio ambiente.

O empresário Domingos Kennedy Sales afirmou que a classe se sente mais segura com a presença do Corpo de Bombeiros na região. “Até os seguros para as empresas vão ficar mais econômicos já que existe a possibilidade de atendimento mais rápido dos bombeiros”, conclui. Segundo ele, são 260 empresas e mais de dois mil empregos diretos e indireto no distrito.

O governador Pedro Taques lembrou que a obra foi muito cobrada pelos empresários e que “os investimentos no Corpo de Bombeiros Militar nos últimos três foram os maiores já feitos na corporação”. Na inauguração do BEA também foi assinado um convênio entre a Secretaria de Segurança Pública e CBMMT para a cessão de um novo hangar para o Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer). Ainda foi assinada a ordem de serviço para início das obras do projeto definitivo da sede do BEA, que será construída também no Distrito Industrial, mas no entroncamento das BRs 163 e 364, na saída sul de Cuiabá.

 

Últimas Notícias

Centro está preparado para lançamento de foguete após acidente
Cidades brasileiras integram programa de preservação de florestas
MP denuncia ex-marido de corretora assassinada no Rio
Bolsonaro segue estável e internado no Hospital Albert Einstein
Goiás entra para a elite dos Estados mais competitivos do País
Petrobras eleva gasolina em 2 centavos; diesel permanece inalterado
MME faz consulta sobre planejamento da transmissão de energia elétrica
Inadimplência do consumidor subiu 3,63% em agosto

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212