Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


14 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Cobrança da dívida ativa aumenta arrecadação do IPVA no Estado - Jornal Brasil em Folhas
Cobrança da dívida ativa aumenta arrecadação do IPVA no Estado


Só no primeiro trimestre deste ano, a Procuradoria Geral do Estado (PGE) arrecadou R$ 50 milhões do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), inscritos na dívida ativa do Estado. O montante é quase três vezes mais que o valor arrecadado no mesmo período de 2017.

A procuradora-geral do Estado, Gabriela Novis, explica o esforço do órgão para aumentar a arrecadação do Estado e, consequentemente, contribuir com a receita dos municípios. “Metade do valor arrecadado, 50%, com o IPVA vai para os municípios”, disse a procuradora. “Este é um resgate histórico de valores de uma demanda então reprimida”, acrescenta.

Aliado aos esforços para melhorar a arrecadação dos impostos inscritos na dívida ativa, existe um trabalho com foco na modernização da PGE para facilitar o atendimento ao contribuinte. “Em breve teremos um sistema de negociação, via web, para que o que cidadão, mesmo residindo em Cuiabá não precise se deslocar até a Procuradoria”, afirma Gabriela.

Nos últimos meses aumentou consideravelmente o público na PGE para negociar as dívidas com o Estado. Isso porque antes não havia cobrança do IPVA no Estado. São cerca de 800 mil certidões inscritas na dívida ativa, o que representa um montante de R$ 500 milhões, que devem ser recolhidos aos cofres públicos. Em 2016, por exemplo, quando não havia este tipo de cobrança foi arrecadado apenas R$ 60 milhões.

Para facilitar para o público, a procuradora-geral aumentou em três horas o atendimento na sede da PGE, das 9h às 18h. Antes era das 12h às 18h. Também foi implantado um estacionamento gratuito para o contribuinte, que tinha dificuldades para ter acesso ao local.

Por enquanto, o atendimento ao interior do Estado para negociação da dívida ativa é pelo e-mail [email protected] No entanto, a PGE deve consolidar até maio o acesso via web. Com isso, o contribuinte pode imprimir de onde estiver o seu boleto ou mesmo fazer o acesso on line para verificar outras dúvidas.

 

Últimas Notícias

Nordeste perdeu 1 milhão de trabalhadores no campo de 2012 para 2017
IBGE prevê em 2019 safra de grãos 0,2% menor que a de 2018
Safra de grãos pode chegar a 238,3 milhões de toneladas, diz Conab
Banco do Brasil tem lucro de 14,3% no terceiro trimestre
Percentual de inadimplentes recua em outubro, diz CNC
Boletos vencidos de todos os tipos serão pagos em qualquer banco
Leonardo de Morais toma posse na presidência da Anatel
Natal deve movimentar R$ 53,5 bilhões na economia do país, prevê SPC

MAIS NOTICIAS

 

No Congresso, Temer defende reuniões frequentes entre Poderes
 
 
Bolsonaro reafirma, no Congresso, compromisso com a Constituição
 
 
Bolsonaro critica Enem e diz que prova deve cobrar conhecimentos úteis
 
 
Governo de transição dividiu trabalhos por temas em dez frentes
 
 
Para ministro, é “mais simples” unir MEC com Ciência e Tecnologia
 
 
Bolsonaro e Temer iniciam hoje formalmente governo de transição

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212