Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


18 de Jan de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Projeto cria unidades de políticas públicas para atender comunidades com UPPs - Jornal Brasil em Folhas
Projeto cria unidades de políticas públicas para atender comunidades com UPPs


Floriano: “Inicialmente, as UPPs deram conta de manter a segurança, mas ao longo do tempo, enfraqueceram o seu papel, pois não ofereceram atendimento em outras demandas necessárias para a cidadania plena”

As comunidades onde se encontram implantadas as Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs) poderão receber Unidades de Políticas Públicas, com o objetivo de atender crianças, jovens e adultos em situação de risco social com ações de educação, saúde, trabalho e cidadania, esporte e cultura e meio ambiente.

É o que determina o Projeto de Lei 8953/17, do deputado Francisco Floriano (DEM-RJ), em tramitação na Câmara.

As Unidades de Políticas Públicas fornecerão serviços como aulas de reforço escolar, laboratórios de informática, atendimento médico e regularização civil. Também poderão instalar unidade do Sebrae para incentivar o empreendedorismo, disseminar a prática esportiva e promover a regularização fundiária dos imóveis dos moradores das comunidades. Os responsáveis pela gestão das unidades apresentarão relatórios periódicos sobre os resultados obtidos com as ações sociais.

Segundo o deputado, o projeto visa ampliar o raio de ação do poder público em comunidades carentes e violentas, aliando unidades de policiamento e de serviços públicos, e oferecendo às crianças e aos jovens novas perspectivas de vida.

“O objetivo desse projeto é sensibilizar as autoridades locais para a necessidade emergencial de trabalhar as comunidades onde o tráfico se faz presente e há intenso confronto entre os criminosos e a polícia”, explica Francisco Floriano.

Parcerias
Conforme o PL 8953/17, o poder público poderá celebrar convênios com instituições de ensino superior e de ensino técnico para contratação de estagiários e realização de oficinas práticas.

As Unidades de Políticas Públicas utilizarão, preferencialmente, mão de obra da comunidade para os serviços gerais de limpeza e manutenção das instalações, cuidados com o plantio, colheita e distribuição de alimentos produzidos nas hortas comunitárias.

Tramitação
O projeto tramita em caráter conclusivo e será analisado pelas comissões de Trabalho, de Administração e Serviço Público; Seguridade Social e Família; e Constituição e Justiça e de Cidadania.

Reportagem – Janary Júnior
Edição – Natalia Doederlein



 

Últimas Notícias

Frédéric Lamotte é o novo diretor geral da CA Indosuez Wealth (Miami) e responsável Global da região das Américas
A ACIRLAG chega para impulsionar o setor econômico da região Leste de Aparecida
John Forman recusa cargo no Conselho de Administração da Petrobras
Em visita oficial, Macri é recebido no Planalto por Bolsonaro
Mercado financeiro prevê inflação em 4,02% neste ano
Consultas de CPFs para vendas a prazo no comércio crescem 2,8%
Produção de bicicletas aumenta 15,9% no Brasil
Receita abre consulta a restituição do Imposto de Renda de 2008 a 2018

MAIS NOTICIAS

 

ANP aprova credenciamento de empresa certificadora
 
 
Política de combate à inflação foi bem-sucedida, diz presidente do BC
 
 
Marcos Pontes: fusão de Embraer e Boeing preserva interesses do país
 
 
Número de linhas de celular tem maior queda do ano em novembro
 
 
ANP: Petrobras pede prazo maior para definir quais campos vai explorar
 
 
Ex-presidente do Banco Central defende política econômica do governo

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212