Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


15 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Exposição exibe pinturas da arquitetura de São Paulo, no Estação Cultura - Jornal Brasil em Folhas
Exposição exibe pinturas da arquitetura de São Paulo, no Estação Cultura


Uma mostra para valorizar a história da cidade de São Paulo é a proposta da exposição Memória Paulistana, que segue em cartaz até o dia 4 de maio no Estação Cultura. O espaço fica na sede da Secretaria Estadual de Cultura, na região central da cidade. São exibidas 40 pinturas, em óleo sobre tela, da arquitetura da metrópole, da artista plástica Cristiane Carbone.

“O interesse surgiu porque eu andava pela cidade de São Paulo e via a carência de registros. As fachadas dos prédios mudando constantemente, e eu não encontrava registro dessas pinturas”, explicou Cristiane. A primeira obra, que retrata o Museu do Ipiranga, foi pintada em 1996, mas a proposta de tornar essa iniciativa um projeto de preservação da memória urbana veio em 2004.

“Na sequência, eu verifiquei a necessidade também de fazer um resgate, ou seja, um comparativo, porque a medida que eu fui pintando, eu fui me interessando pela história da cidade. Catedral da Sé, Pátio do Colégio, Estação da Luz, Faculdade de Direito, me interessei pela história e vi a importância de encontrar essa identidade e de deixar registrado para o futuro”, disse.

Entre suas obras, ela destaca, por exemplo, o Pátio do Colégio, marco da fundação da cidade. “Ele passou por várias transformações e eu tenho registro de 1862; 1896, quando estava em ruínas; de 1914, quando era a arquitetura do Ramos de Azevedo; e o atual, que é de 1979. Então por meio da imagem é possível contar uma história. Essa é a intenção principal dessa exposição”.
Reprodução da pintura Vale do Anhangabaú, de Cristiane Carbone

Reprodução da pintura Vale do Anhangabaú, de Cristiane CarboneReprodução/Secretaria de Cultura de São Paulo

A artista desenvolve obras sobre o patrimônio arquitetônico de São Paulo há 15 anos. Em 2004, por ocasião dos 450 anos da cidade, ela apresentou uma exposição na Câmara dos Deputados e no Senado Federal. Neste ano, durante o carnaval, suas telas ficaram expostas no Forte de Copacabana, no Rio de Janeiro.

A exposição no Estação Cultural tem apoio da Secretaria Estadual de Educação e receberá alunos de escolas públicas da região para visitas guiadas, além de rodas de conversa com a artista. A ideia é que possam ter contato com a história da cidade por meio das obras.

A mostra Memória Paulistana é gratuita.

Edição: Fernando Fraga

 

Últimas Notícias

Presidente Díaz-Canel defende trabalho de médicos cubanos no Brasil
Ministério vai lançar edital para repor vagas de médicos cubanos
CFM afirma que há médicos suficientes para atender Brasil
Associação lança projeto para conscientizar população sobre diabetes 2
Transposição do S. Francisco está na pauta de prioridades da transição
Temer inaugura primeira etapa do acelerador de elétrons Sirius
Temer diz que decidirá “lá na frente” reajuste de ministros do STF
Só um governador do Nordeste participa de encontro em Brasília

MAIS NOTICIAS

 

No Congresso, Temer defende reuniões frequentes entre Poderes
 
 
Bolsonaro reafirma, no Congresso, compromisso com a Constituição
 
 
Bolsonaro critica Enem e diz que prova deve cobrar conhecimentos úteis
 
 
Governo de transição dividiu trabalhos por temas em dez frentes
 
 
Para ministro, é “mais simples” unir MEC com Ciência e Tecnologia
 
 
Bolsonaro e Temer iniciam hoje formalmente governo de transição

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212