Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


25 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Temer sanciona lei que cria universidades em Pernambuco e no Piauí - Jornal Brasil em Folhas
Temer sanciona lei que cria universidades em Pernambuco e no Piauí


O presidente Michel Temer assinou hoje a lei que cria duas universidades, a Federal do Delta do Parnaíba (UFDPar), no Piauí, e a Federal do Agreste de Pernambuco (Ufape). O Projeto de Lei 5272/16 foi aprovado no Congresso no dia 20 de março e seguiu para sanção presidencial. A assinatura aconteceu em cerimônia no Palácio do Planalto.

O texto original, enviado ao Congresso pela então presidente Dilma Rousseff em 2016, previa apenas a criação da instituição piauiense, mas o Senado apresentou um texto substitutivo, incluindo a universidade em Pernambuco. Ambas universidades serão um desmembramento de outras já existentes.

A UFDPar será criada no campus que hoje pertence à Universidade Federal do Piauí (UFPI), na região de Parnaíba. Em Pernambuco, os campi da Universidade Federal Rural de Pernambuco passarão a ser a Ufape, na região de Garanhuns. Está prevista a transferência automática dos cursos de todos os níveis e dos alunos regularmente matriculados nos campi.

De acordo com o ministro da Educação, Rossieli Soares, as universidades originárias, funcionarão como tutoras nos primeiros anos das novas instituições. O orçamento, inclusive, continuará indo para as tutoras nesse período. “O primeiro passo é estruturar a universidade, com acompanhamento da universidade tutora. [...] Depois de ter minimamente a estrutura, as instituições tutoras continuam apoiando até a total autonomia desse processo, que deve durar de quatro a cinco anos”. O ministro disse ainda que a abertura de novas vagas só será discutida após a estruturação inicial.

Para Soares, um dos grandes benefícios será a aproximação das universidades das comunidades. “Ao passarmos a ter uma reitoria, uma estrutura própria, há um diálogo melhor com os anseios da comunidade. Uma universidade com muitos câmpus acaba se afastando daquilo que, muitas vezes, é o ideal da proximidade com a comunidade. Esta, certamente, é a grande vantagem, ter um planejamento próximo das demandas que existem na comunidade”.

Edição: Denise Griesinger

 

Últimas Notícias

Empresários brasileiros apostam em alimentos e bebidas saudáveis
Temporal no RS deixa mais de 360 mil residências sem luz
Livro aborda mentiras contadas por presidentes do Brasil em 100 anos
Setor da cachaça lança manifesto contra carga tributária
Polícia busca PM sequestrado por criminosos na zona oeste do Rio
Bolsonaro passa bem e tem dreno retirado do abdome
PM encontra carro de policial sequestrado no Rio
Festival de Brasília termina hoje com entrega de premiações

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212