Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


20 de Jan de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Mansueto de Almeida será o novo secretário do Tesouro Nacional - Jornal Brasil em Folhas
Mansueto de Almeida será o novo secretário do Tesouro Nacional


O economista Mansueto Facundo de Almeida Júnior será o novo secretário do Tesouro Nacional, anunciou hoje (16) o Ministério da Fazenda.

Mansueto, que é atualmente secretário de Acompanhamento Fiscal, Energia e Loteria (Sefel) do ministério, ocupará o lugar de Ana Paula Vescovi, que será a nova secretária-executiva da pasta.

As alterações foram comunicadas em nota divulgada hoje (16) pela pasta.

O economista Alexandre Manoel Angelo da Silva, atual subsecretário de Governança Fiscal e Regulação de Loteria, assume o lugar de Mansueto, passando a comandar a Sefel. Ariosto Antunes Culau, que atualmente, ocupa a Chefia de Gabinete do Ministro da Fazenda ocupará o cargo de Secretario-Executivo Adjunto.

As mudanças têm sido anunciadas desde a semana passada, desde a posse de Eduardo Guardia como ministro da Fazenda. Após filiar-se ao MDB, o então ministro Henrique Meirelles deixou o cargo para concorrer às eleições deste ano. Ao assumir a Fazenda, Guardia disse que manteria a equipe no ministério. O ministro tem feito remajamentos, mas tem mantido os mesmos nomes na pasta.

Mansueto Facundo de Almeida Jr. é técnico de Planejamento e Pesquisa do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). Foi coordenador-geral de Política Monetária e Financeira na Secretaria de Política Econômica no Ministério da Fazenda, entre 1995 e 1997; assessor da Comissão de Desenvolvimento Regional e de Turismo do Senado Federal, de 2005 a 2006. De 2014 a 2016 foi consultor privado.

Alexandre Manoel Angelo da Silva também é técnico de Planejamento e Pesquisa do Ipea. Foi subsecretário de governança fiscal e regulação de loteria, entre 2016 e 2018 na Sefel, coordenador-geral de política fiscal na Secretaria de Política Econômica (SPE) do Ministério da Fazenda, em 2003 e 2004 e, posteriormente, em 2007 e 2008; e, e secretário municipal de projetos estratégicos na Prefeitura de Maceió, entre 2013 e 2016.

Ariosto Antunes Culau é Analista de Planejamento e Orçamento, tendo exercido vários cargos nessa área, tais como diretor de Programas Econômicos, secretário adjunto e secretário de Orçamento Federal, no Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão.

Na esfera estadual, foi superintendente do Tesouro do Estado de Goiás e secretário de Planejamento e Gestão do Governo do Estado do Rio Grande do Sul. No Ministério da Fazenda, foi coordenador-geral do Gabinete do Ministro, subsecretário para Assuntos Econômicos da Secretaria Executiva e, atualmente, ocupa a Chefia de Gabinete do Ministro da Fazenda.

Edição: Maria Claudia

 

Últimas Notícias

Inep divulga resultado do Enem
Frédéric Lamotte é o novo diretor geral da CA Indosuez Wealth (Miami) e responsável Global da região das Américas
A ACIRLAG chega para impulsionar o setor econômico da região Leste de Aparecida
Inep divulga notas do Enem na sexta-feira
Bolsonaro sanciona Lei do Orçamento 2019 de mais de R$ 3,3 trilhões
Parlamento venezuelano aprova acordo para entrada de ajuda humanitária
Imigrantes hondurenhos sofrem com obstáculos para passagem de caravana
Militares vão atuar de forma mais intensa no Programa Mais Médicos

MAIS NOTICIAS

 

ANP aprova credenciamento de empresa certificadora
 
 
Política de combate à inflação foi bem-sucedida, diz presidente do BC
 
 
Marcos Pontes: fusão de Embraer e Boeing preserva interesses do país
 
 
Número de linhas de celular tem maior queda do ano em novembro
 
 
ANP: Petrobras pede prazo maior para definir quais campos vai explorar
 
 
Ex-presidente do Banco Central defende política econômica do governo

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212