Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


12 de Dez de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Marun espera que Congresso aprove privatização da Eletrobras até maio - Jornal Brasil em Folhas
Marun espera que Congresso aprove privatização da Eletrobras até maio


O ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, disse hoje (17) que espera ter a privatização da Eletrobras aprovada no Congresso Nacional no próximo mês. A expectativa, segundo ele, é que até o fim do ano a venda da estatal possa ocorrer. Marun participou de reunião com o presidente Michel Temer e parlamentares da base aliada. O ministro disse aos parlamentares que é necessária a edição de um dispositivo que garanta a continuação dos estudos para a capitalização da empresa. Segundo ele, continua sem definição se será um decreto, portaria ou outro tipo de documento.

“Teríamos ainda este ano um reforço no caixa do governo e isso é positivo. Mas a principal questão é o fato que no ano que vem a capitalização da Eletrobras será necessária. E se não abrirmos essa capitalização à iniciativa privada quem vai ter que fazer é o governo, o que significa menos dinheiro para a educação, para a saúde, para a segurança pública”, disse.
Brasília - Ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, fala à imprensa após se reunir com o ministro da Fazenda, Eduardo Guardia (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

O ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, espera que o Congresso aprove privatização da Eletrobras até maio (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

Questionado se durante a reunião os aliados demonstraram resistência em aprovar a venda da empresa, Marun respondeu que: “Não vejo nesse momento maiores dificuldades em relação a isso. Até porque não vejo impactos eleitorais.

Apesa de o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), não ter participado do encontro, o ministro disse que ele entende as razões do governo em relação à Eletrobras. “Tenho certeza que Maia é favorável a essa capitalização”.
Reoneração da Folha de Pagamentos

O projeto de reoneração da folha de pagamento também foi tratado na reunião com os deputados. Segundo Marun, a disposição do governo é de que não há mais espaço para protelar compromissos previdenciários como forma de estímulo para atividades da economia. “Temos que fazer com que esse processo de reoneração se inicie ainda neste ano”, disse.

Edição: Carolina Pimentel

 

Últimas Notícias

Jornalista e radialista Laerte Junior morre aos 52 anos
Prazo para consolidar dívidas do Refis começa nesta segunda
Novo crediário para cartão é estudado para 2019, diz Febraban
Receita libera hoje consulta a sétimo lote de restituição do IR 2018
Intenção de investimentos da indústria cresce 4,4 pontos
Mercado reduz estimativa de inflação pela sétima vez
Demanda por bens industriais cresce 0,3% em outubro
Anatel apreende mais de 126 mil produtos não certificados

MAIS NOTICIAS

 

Novo crediário para cartão é estudado para 2019, diz Febraban
 
 
Demanda por bens industriais cresce 0,3% em outubro
 
 
Diálogo Brasil debate projeto Escola sem Partido
 
 
Brasileiro é eleito para Associação Internacional de Seguridade Social
 
 
Polícia e MP de Goiás vão apurar denúncias contra médium João de Deus
 
 
ONG homenageia policiais militares mortos no estado do Rio

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212