Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


20 de Jan de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Hemocentro da Paraíba lembra Dia Mundial da Hemofilia - Jornal Brasil em Folhas
Hemocentro da Paraíba lembra Dia Mundial da Hemofilia


Palestras educativas, apresentação de um teatro de fantoche, distribuição de pipoca e algodão doce, além de um lanche especial marcaram as ações alusivas ao Dia Mundial da Hemofilia no Hemocentro da Paraíba. O momento festivo aconteceu, na manhã desta terça-feira (17), reunindo pacientes atendidos pela instituição e seus familiares.

Para a diretora-geral do Hemocentro da Paraíba, Luciana Gomes, esta foi mais uma oportunidade para lembrar a todos os portadores de hemofilia que eles podem ter uma vida normal, plena de alegria e conquistas. A diretora ressaltou ainda que deseja manter o diálogo constante com os portadores de hemofilia e associações que ajudam no tratamento da doença. “O Hemocentro da Paraíba é uma instituição de portas abertas para acolhê-los e prestar toda assistência necessária”, pontuou Luciana Gomes.

Para o pequeno Hyan Cleber, de apenas 7 anos, o tratamento que recebe no Hemocentro desde 2017 garante uma vida repleta de desafios. “Eu gosto de andar de bicicleta de jogar bola. Quase todo dia eu brinco com meus amigos e nem me lembro da doença”, afirmou. A mãe de Hyan, a dona de casa Lucilene Soares, explica que o cuidado diário é com a aplicação do fator VIII que previne acidentes hemorrágicos.

A médica hematologista Sandra Sibele esclarece que hemofilia é uma doença genética hereditária que se caracteriza pela falta de fator de coagulação no sangue, responsável pelo controle das hemorragias. A doença tem dois tipos mais comuns: Hemofilia tipo A, devido à deficiência do Fator VIII, e a Hemofilia tipo B, em função da deficiência do Fator IX, ambas afetam principalmente os homens.

O Hemocentro da Paraíba é o centro de tratamento da hemofilia no Estado. A instituição é a única onde o resultado para o diagnóstico da doença sai em apenas 24 horas, segundo a médica Sandra Sibele. A unidade de saúde também dispõe de uma equipe multidisciplinar (assistente social, fisioterapeuta, odontologia e psicologia) para atender os portadores da doença.

Segundo Euciclenio de Souza Soares, de 38 anos, portador da hemofilia e em tratamento da doença desde criança, a oferta de fatores de coagulação para as pessoas com a doença trouxe melhorias na qualidade de vida, garantido a quem faz o tratamento ficar livre de episódios hemorrágicos, dores e hematomas. “Uso o fator de coagulação VIII pelo menos três vezes na semana. Isso me garante ter uma qualidade de vida melhor”, declarou.

O presidente da Federação Brasileira dos Hemofílicos e da Sociedade de Hemofílicos da Paraíba, Elias Marques Ferreira, também explicou que a doença é hereditária estando relacionada ao cromossomo X, que está presente em todos os grupos étnicos e lugares do mundo. É transmitida por um homem hemofílico ou por uma mulher portadora do gene com essa informação, aos seus descendentes.

 

Últimas Notícias

Inep divulga resultado do Enem
Frédéric Lamotte é o novo diretor geral da CA Indosuez Wealth (Miami) e responsável Global da região das Américas
A ACIRLAG chega para impulsionar o setor econômico da região Leste de Aparecida
Inep divulga notas do Enem na sexta-feira
Bolsonaro sanciona Lei do Orçamento 2019 de mais de R$ 3,3 trilhões
Parlamento venezuelano aprova acordo para entrada de ajuda humanitária
Imigrantes hondurenhos sofrem com obstáculos para passagem de caravana
Militares vão atuar de forma mais intensa no Programa Mais Médicos

MAIS NOTICIAS

 

ANP aprova credenciamento de empresa certificadora
 
 
Política de combate à inflação foi bem-sucedida, diz presidente do BC
 
 
Marcos Pontes: fusão de Embraer e Boeing preserva interesses do país
 
 
Número de linhas de celular tem maior queda do ano em novembro
 
 
ANP: Petrobras pede prazo maior para definir quais campos vai explorar
 
 
Ex-presidente do Banco Central defende política econômica do governo

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212