Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


19 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Governo do Estado realiza curso de capacitação para pessoas com Síndrome de Down - Jornal Brasil em Folhas
Governo do Estado realiza curso de capacitação para pessoas com Síndrome de Down


O Governo do Estado de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sedectes), deu início à segunda turma do curso do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) para pessoas com Síndrome de Down. A aula inaugural aconteceu na Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia (Faje).

Dando continuidade ao primeiro curso, que aconteceu no município de Pedro Leopoldo, no ano passado, a segunda turma do Pronatec vai atender 25 alunos com deficiência intelectual. Ao fim de 200 horas de conteúdo, eles receberão o título de Recepcionista de Eventos.

“Como coordenador do programa, tenho muito orgulho de fazer parte desta iniciativa, que faz diferença para os alunos e seus familiares. O objetivo da Sedectes é contribuir na capacitação humana, em suas mais diversas formas, para uma sociedade mais justa”, afirma o coordenador do Pronatec Sedectes, Euler Darlan, durante o pronunciamento de abertura.

Com o apoio de Dudu do Cavaco, membro do Instituto Mano Down, que há 7 anos auxilia pessoas com Síndrome de Down a serem protagonistas de suas histórias – a aula inaugural começou com um show do artista. Fonte de entusiasmo para todos os participantes, Dudu, acompanhado da noiva Vitória e do irmão e presidente do Instituto Mano Down, Leonardo Gontijo, motivou os presentes.

Para Cleide Maria Gonçalves Costa, mãe da aluna Stephanie Mary Costa, a capacitação em Recepcionista de Eventos, proporcionado pelo Pronatec Sedectes, vai abrir portas para o maior sonho da filha, que é poder trabalhar. “Estamos muito felizes com esta oportunidade. Acreditamos que ela poderá entrar no mercado de trabalho, fazendo o que ela vai aprender aqui”, diz.

Os alunos, por meio dos pais, vão receber ajuda de custo de R$ 9,00 por dia. O auxílio vai ser de acordo com o dia de aula frequentado. Além disso, todos receberão material escolar e uniforme. Para participar o aluno deve ter idade superior a 16 anos.

 

Últimas Notícias

Submarino argentino é encontrado um ano e um dia após desaparecimento
Parlamento cubano rejeita resolução da Eurocâmara sobre direitos human
Incêndio da Califórnia registra 74 mortos e mais de mil desaparecidos
Livro mistura suspense e fantasia em reflexão sobre violência no país
EBC e Fundação Getulio Vargas firmam acordo para revitalizar acervo
Trabalho de escoramento em viaduto paulistano prossegue neste sábado
Belo Horizonte tem previsão de mais chuva; temporais já mataram quatro
Prefeito de Mariana diz que não desistirá de ação no Reino Unido

MAIS NOTICIAS

 

Morre em Pelotas o criador da camisa canarinho, Aldyr Schlee
 
 
Brasil concentrou 40% dos feminicídios da América Latina em 2017
 
 
Jungmann e Toffoli anunciam sistema para unificar processos de presos
 
 
Pensamento liberal deve guiar a equipe econômica de Bolsonaro
 
 
Gold3-4 minutosfajn permanecerá à frente do BC até Senado aprovar Campos Neto
 
 
Senado argentino aprova orçamento de 2019 como prometeu ao FMI

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212