Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


21 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Diego Guimarães assume presidência do Intermat - Jornal Brasil em Folhas
Diego Guimarães assume presidência do Intermat


O ex-vereador por Cuiabá, Diego Guimarães, assumiu nesta quarta-feira (18.04) o cargo de presidente do Instituto de Terras de Mato Grosso (Intermat). O ato foi assinado pelo governador Pedro Taques em solenidade realizada no auditório Ponce de Arruda, no Palácio Paiaguás. Acompanharam a cerimônia vereadores, autoridades estaduais e municipais, amigos e familiares de Guimarães.

O novo presidente assume a função em substituição a Candido Teles, que ficou à frente do órgão por mais de um ano. O ex-presidente classificou o trabalho como árduo e agradeceu o apoio do Governo e servidores do Intermat enquanto esteve no comando.

“Entregamos milhares de títulos, o prédio foi reformado, móveis e equipamentos novos foram entregues e, principalmente, realizamos o sonho de muitas famílias”, disse Teles, completando que este ano a previsão é alcançar mais 60 mil famílias, em propriedades urbanas e rurais.

Diego Guimarães se denominou “filho da reforma agrária”, lembrando que nasceu em uma cidade gerada de um assentamento no norte do Estado. “Vim de Guarantã do Norte, uma cidade oriunda de um projeto de assentamento do Incra. Vivi a reforma agrária na infância, juventude e na minha atuação profissional. Então, é uma satisfação e um desafio substituir Candido Teles, que vinha fazendo um brilhante trabalho à frente deste órgão. Quero reforçar este trabalho e, se possível, dar sequência na qualidade e intensidade, solucionando os problemas para que possamos trazer o desenvolvimento para Mato Grosso.”

Na solenidade, o governador Pedro Taques ressaltou o trabalho que vem sendo feito para regularizar os 720 assentamentos que existem no Estado, além dos imóveis na área urbana por meio do Desenvolve MT.

“Mato Grosso tinha 105 mil assentados em 720 assentamentos. Deste total, 122 são assentamentos sob responsabilidade do Intermat e nós estamos entregando muitos títulos. Além dos assentamentos, temos a regularização fundiária urbana, que é um trabalho feito em conjunto ao Desenvolve MT. Entregando o documento, o cidadão tem condições de ter um financiamento. Isto é dignidade. É o Estado cumprindo a sua função”, disse Taques.

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212