Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


23 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Estátua da menina sem medo irá para frente da Bolsa de Nova York - Jornal Brasil em Folhas
Estátua da menina sem medo irá para frente da Bolsa de Nova York


A escultura Fearless Girl (menina sem medo), instalada em março de 2017 bem em frente ao famoso touro de Wall Street, vai ser levada para a entrada da Bolsa de Nova York, anunciou nesta quinta-feira (19) o prefeito Bill de Blasio, que também disse que o touro poderia ser movido.

Desde sua instalação, a estátua da menina, com o queixo levantado e as mãos na cintura, tornou-se uma atração turística da cidade, enfrentando o touro que simboliza, para muitos, o poderio do mercado e do espírito empresarial americano.

Sua instalação foi um bom golpe de marketing para o escritório de administração de ativos State Street Global Advisors, que encomendou a obra da escultora americana Kristen Visbal.

A empresa usou ela para marcar o Dia Internacional da Mulher e o lançamento de uma campanha para estimular as companhias nas quais investe a aumentarem o número de mulheres em seus conselhos administrativos.

A instalação sempre foi apresentada como temporária. Originalmente planejada para um mês, sua localização no extremo sul da Broadway Street se estendeu até março de 2018, enquanto se esperava uma decisão sobre seu futuro.

No fim do ano, ela será levada à frente da Bolsa, a poucas ruas de seu endereço atual, segundo comunicado da Prefeitura.

Esperamos impacientemente a chegada da Fearless Girl a seu novo endereço, muito apropriado, defendendo seu terreno e lançando seu olhar ao motor do nosso progresso, opinou Thomas Farley, presidente da Bolsa de Nova York.

Para Farley, a estátua é um símbolo evidente de nosso caminho para uma maior igualdade e maior inclusão.

A migração da estátua dará fim à controvérsia surgida com as declarações do escultor ítalo-americano Arturo Di Modica, criador do Charging Bull (touro raivoso).

O artista considerou que colocar uma estátua de uma menina com atitude rebelde transformava completamente, sem seu consentimento, o significado de sua obra, instalada em dezembro de 1989, homenageando a força e o poder do povo americano.

Essa mudança melhorará o acesso dos visitantes e garantirá que sua mensagem continue sendo escutada, afirmou De Blasio.

 

Últimas Notícias

Varejo perde R$ 19,5 bilhões em 2017 por danos em produtos e furtos
A partir deste sábado, candidatos só podem ser presos em flagrante
Brasileiros não se sentem prontos para lidar com a morte, diz pesquisa
Aos 95 anos, Gervásio Baptista recebe Medalha do Mérito Jornalístico
PF combate grupo criminoso responsável por contrabando de cigarros
Primavera começa hoje com possibilidade de novo episódio do El Niño
Facebook anuncia medidas para combater contas falsas e desinformação
Polícia Militar faz operação na Rocinha

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212