Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


15 de Oct de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Juiz intima primo de Macri e ex-ministros de Cristina Kirchner - Jornal Brasil em Folhas
Juiz intima primo de Macri e ex-ministros de Cristina Kirchner


O juiz Marcelo Martínez de Giorgi intimou 49 pessoas suspeitas de envolvimento no esquema de desvios da construtora Odebrecht na Argentina. Na relação, estão dois ex-assessores do governo de Cristina Kirchner (2007-2015) - os ex-ministros Julio de Vido e José López - e Angelo Cacaterra, primo do atual presidente, Mauricio Macri. Eles são investigados por irregularidades em obras ligadas à empreiteira.

No processo, que estuda o suposto pagamento de propina por parte de empresas a funcionários públicos para a concessão das obras para a modernização da Ferrovia Sarmiento de Buenos Aires, também foram intimados empresários argentinos e brasileiros.

Os depoimentos começarão no dia 6 de junho. O ex-ministro De Vido, processado por suposto favorecimento à Odebrecht em contratos para ampliação de dois gasodutos, será o primeiro a prestar esclarecimentos. A previsão é estender os depoimentos até outubro.

Na decisão, o juiz Giorgi afirma que há provas que permitem sustentar o estado de suspeita instaurado em torno dos fatos ocorridos em relação ao processo licitatório em questão, que estão vinculados de maneira direta com os pagamentos efetuados por parte das empresas a funcionários públicos.

Calcaterra, primo de Macri, foi dono da construtora Iecsa e, em março do ano passado, fechou um acordo para a venda da companhia ao empresário Marcelo Mindlin. O projeto da Ferrovia Sarmiento está sendo investigado pela Justiça argentina desde que, no início do ano passado, o jornal La Nación divulgou informações sobre supostas transferências que ocorreram menos de um mês depois do início das obras.

Em dezembro de 2016, a Odebrecht admitiu ter pagado cerca de US$ 35 milhões em propinas na Argentina.

 

Últimas Notícias

Apenas 3,3% dos estudantes brasileiros querem ser professores
Operação da PF investiga desvios de R$ 140 milhões do SUS no Amazonas
Caiado reforça compromisso com o Entorno
Operação prende líder de organização que aplicava golpes pela internet
Secretaria anuncia fim de mais 13 UPPs no Rio até o fim do ano
PF prende suspeitos de tráfico internacional de drogas
Polícia Civil e Senasp deflagram ação conjunta no DF e em 6 estados
Estudante da UFPR é agredido a garrafadas por apoiadores de Bolsonaro

MAIS NOTICIAS

 

Equipe de transição deve ser definida hoje à tarde, diz Caiado
 
 
ONS vai reforçar ações de segurança energética nas eleições e no Enem
 
 
Inflação medida pelo INPC sobe para 0,30% em setembro
 
 
Universidades particulares terão disciplina sobre primeira infância
 
 
Com Enem, horário de verão começa no dia 18 de novembro
 
 
Governo anuncia recursos de R$ 600 milhões para o ensino médio

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212