Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


22 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Adolescente britânico é condenado por hackear conta de ex-diretor da CIA - Jornal Brasil em Folhas
Adolescente britânico é condenado por hackear conta de ex-diretor da CIA


Um adolescente britânico que conseguiu hackear as contas de autoridades americanas, incluindo do ex-diretor da CIA John Brennan, foi sentenciado em Londres a dois anos de detenção em um centro para menores infratores.

Durante seu julgamento em janeiro, Kane Gamble, de 18 anos, se declarou culpado de uma dezena de infrações à legislação de segurança informática, cometidas entre junho de 2015 e fevereiro de 2016.

Nesta sexta-feira, sua mãe o acompanhou no Tribunal Criminal de Old Bailey, onde sua sentença foi pronunciada.

Gamble conseguiu, de seu quarto em Coalville, no centro da Inglaterra, obter informações ligando para centrais telefônicas para depois usá-las para hackear contas.

Assim, fez-se passar por John Brennan junto as operadoras de telefonia Verizon e AOL.

Ele então conseguiu obter vários documentos confidenciais da caixa de entrada de e-mails do ex-diretor da CIA que continham informações sobre operações militares e de inteligência no Irã e no Afeganistão.

Kane Gamble também trocou a senha de acesso e, em seguida, assumiu o controle do iPad da esposa de John Brennan, com quem falou ao telefone quando ligou para a operadora AOL.

O jovem também atacou as contas do ex-chefe de Segurança Interna Jeh Johnson, a quem ele telefonou em várias ocasiões, inclusive fazendo a mensagem Você pertence a mim aparecer na tela da televisão da família.

Entre suas vítimas também há assessores do ex-presidente americano Barack Obama, um agente do FBI e a rede do departamento de Justiça, incluindo o documento sobre a explosão da plataforma petrolífera Deepwater Horizon no Golfo do México.

Finalmente, ele foi preso em fevereiro de 2017 a pedido do FBI.

Segundo a acusação, suas ações buscavam apoiar os palestinos e foram motivadas pela morte de civis inocentes.

Seu advogado, William Harbage, argumentou a ingenuidade do adolescente, que nunca quis machucar ninguém.

 

Últimas Notícias

Deputado Marlúcio promove caminhonetadas em várias regiões de Aparecida
Dia da Árvore: desmatamento vem caindo, mas ainda há desafios
Brincar com os quatro elementos da natureza ajuda a criança a se desenvolver melhor
Meninas que praticam esportes, cuidado com a alimentação!
Indústria paulista fecha 2,5 mil postos de trabalho em agosto
Aneel descarta revisão de bandeira tarifária em conta de luz
BNDES: empréstimos para Cuba e Venezuela não deveriam ter sido feitos
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212