Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


21 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Presidente cubano recebe venezuelano em primeiro compromisso internacional - Jornal Brasil em Folhas
Presidente cubano recebe venezuelano em primeiro compromisso internacional


O recém-empossado presidente cubano, Miguel Díaz-Canel, estreou neste sábado (21) sua atividade internacional, ao receber o contraparte venezuelano, Nicolás Maduro, para ratificar sua aliança estratégica bilateral.

Com a presença de Maduro em Havana ratifica-se a aliança estratégica bilateral, noticiou a TV local (estatal), ao reportar o recebimento do mais próximo aliado de Cuba no Palácio da Revolução.

O informe televisivo enfatizou que os dois presidentes saudaram suas respectivas delegações que, pela primeira vez, têm em sua composição as primeiras-damas de Venezuela, Cilia Flores, e de Cuba, Liz Cuesta.

Esta revelação é incomum em Cuba, pois nem Fidel, nem seu irmão, Raúl Castro, que governaram Cuba por quase seis décadas, apareciam em público com suas esposas.

Vilma Espín (1930-2007), mulher de Raúl Castro, morreu antes de ele ocupar a Presidência, em 2008, mas sua presença pública se justificava por seus méritos históricos e altos cargos no governo cubano desde 1959.

Depois de depositar uma oferenda em frente à estátua do herói nacional cubano José Martí, Maduro foi recebido oficialmente por Díaz-Canel, que tomou posse na quinta-feira.

Na América Latina e no Caribe é preciso assentar bases profundas, indestrutíveis, da união política, da união espiritual, da união moral e, sobretudo, da união econômica, que é a que vai cimentar a verdadeira libertação, disse Maduro à imprensa.

A Venezuela é o principal aliado político de Cuba e seu segundo parceiro comercial, depois da China. Caracas fornece a Havana petróleo em condições favoráveis em troca de serviços médicos.

A independência e a libertação do século XXI vai descansar na possibilidade de que nós construamos uma união poderosa no [campo] econômico e vamos mirar nisso com o companheiro presidente Miguel Díaz-Canel, disse.

Durante sua estada, que termina neste sábado, Maduro tem previsto reunir-se com o ex-presidente Raúl Castro, primeiro secretário do Partido Comunista (único).

Após a visita de Maduro, está prevista para a próxima segunda-feira a do presidente boliviano, Evo Morales, anunciou a chancelaria cubana.

 

Últimas Notícias

Governadores do Nordeste fecham agenda única para levar a Bolsonaro
Marcha da Consciência Negra pede democracia, direitos e fim do racismo
Bolsonaro diz que vai seguir normas legais para indicação à PGR
Projeto que flexibiliza Lei da Ficha Limpa é arquivado do Senado
Conselho de Ética da Câmara arquiva representação contra Laerte Bessa
Reunião do Escola sem Partido é novamente suspensa em comissão mista
Eunício e equipe do futuro governo voltam a discutir cessão onerosa
Brasil encerra o ano com vitória sobre Camarões por 1 a 0

MAIS NOTICIAS

 

Grafiteira faz mural de 500 m2 no Rio para homenagear mulheres negras
 
 
Estados poderão decidir se darão aulas a distância no ensino médio
 
 
Estudante poderá escolher área a ser avaliada no segundo dia do Enem
 
 
PF prende suspeitos de ligações com facções criminosas em sete estados
 
 
Bolsonaro confirma Mandetta para a Saúde
 
 
México habilita 26 empresas brasileiras para compra de carne de frango

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212