Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


23 de Jan de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Kate Middleton dá entrada em hospital de Londres em trabalho de parto - Jornal Brasil em Folhas
Kate Middleton dá entrada em hospital de Londres em trabalho de parto


A duquesa de Cambridge Kate Middleton, mulher do príncipe William, foi hospitalizada em Londres nos primeiros estágios do trabalho de parto, anunciou a família real nesta segunda-feira (23).

“Sua Alteza Real a Duquesa de Cambridge foi internada no Hospital St. Mary, em Paddington, Londres, no início da manhã, nos primeiros estágios do trabalho de parto”, disse o Palácio de Kensington. “A Duquesa viajou de carro do Palácio de Kensington até o Hospital St. Mary com o Duque de Cambridge.”

A duquesa de Cambridge está grávida de seu terceiro filho. Como ocorreu com o nascimento de George e Charlotte, a família real mantém suspense sobre o novo herdeiro, que terá o título de príncipe ou princesa de Cambridge.

A duquesa de Cambridge participou de seus últimos compromissos oficiais no dia 22 de março e então entrou em licença maternidade. O nascimento ocorrerá poucas semanas antes do casamento do príncipe Harry com Meghan Markle, que será realizado no dia 19 de maio em Windsor, e dias depois da comemoração dos 92 anos da rainha Elizabeth II.

No dia 27 de março o fotógrafo Arthur Edwards publicou em seu Twitter uma foto das grades do hospital sendo pintadas, o que aumentou a expectativa de que o estabelecimento esteja se preparando para o nascimento do bebê real.

Poderá ser rei ou rainha?
O novo membro real será o quinto na linha de sucessão pela Coroa, depois do seu avô, o Príncipe Charles, de seu pai, Príncipe William e de seus irmãos, Príncipe George e Princesa Charlotte. Assim, o príncipe Harry, seu tio e segundo filho de Charles, vai para a sexta posição.

Diferente de antigamente, o sexo do bebê não faz diferença na linha de sucessão. Isso porque em 2013 a monarquia britânica fez alterações nas leis para acabar com a famosa regra da “primogenitura masculina”, que coloca os homens antes das mulheres na linha de sucessão. Pela regra antiga, de 1701, uma menina não ocuparia o trono caso tivesse um irmão menino mais novo.

No entanto, dificilmente o novo bebê chegará a ocupar o cargo de monarca. Provavelmente ele ou ela será uma espécie de “reserva”, caso alguma coisa aconteça com o primogênito George.

 

Últimas Notícias

Chega a 73 o número de mortos em explosão no México; feridos somam 74
Forte terremoto de magnitude 6,7 atinge o Chile
Mais de 150 imigrantes se afogam no Mar Mediterrâneo
Brasil e Europa vão ser interligados por novo cabo submarino
Acordo para mudar nome da Macedônia gera protestos em Atenas
Ghosn está disposto a aceitar qualquer condição para obter fiança
Bombeiros buscam pessoa desaparecida depois de tromba dágua no Rio
Mega-Sena acumula de novo e pode pagar R$ 38 milhões na quarta-feira

MAIS NOTICIAS

 

ANP aprova credenciamento de empresa certificadora
 
 
Política de combate à inflação foi bem-sucedida, diz presidente do BC
 
 
Marcos Pontes: fusão de Embraer e Boeing preserva interesses do país
 
 
Número de linhas de celular tem maior queda do ano em novembro
 
 
ANP: Petrobras pede prazo maior para definir quais campos vai explorar
 
 
Ex-presidente do Banco Central defende política econômica do governo

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212