Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


17 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Médicos dos EUA realizam transplante inédito de pênis e escroto - Jornal Brasil em Folhas
Médicos dos EUA realizam transplante inédito de pênis e escroto


Médicos da Universidade Johns Hopkins (JHU, na sigla em inglês) anunciaram nesta segunda-feira (23) a conclusão do primeiro transplante total de pênis e escroto em um militar que foi ferido no Afeganistão.

A cirurgia de 14 horas de duração foi feita em 26 de março por uma equipe de nove cirurgiões plásticos e dois cirurgiões urologistas, anunciou a JHU em nota.

Estamos otimistas que esse transplante vai ajudar a restabelecer as funções urinária e sexual próximo do normal para este jovem homem, disse W.P. Andrew Lee, professor e diretor de cirurgia plástica e reconstrutiva na Escola de Medicina da JHU.

Segundo os médicos, o rapaz deverá voltar a urinar pelo pênis nas próximas semanas e, por fim, deverá recuperar sensibilidade o suficiente para ter ereção. Mas a extensão de sua função sexual só será conhecida em cerca de seis meses.

O paciente foi gravemente ferido há alguns anos na explosão de um artefato artesanal no Afeganistão, explicou Lee.

Todo o pênis, o escroto sem os testículos e parte da parede abdominal vieram de um doador falecido.

O militar pediu anonimato, mas divulgou uma curta nota, dizendo que espera deixar o hospital na semana que vem.

É um ferimento realmente incompreensível, não é fácil de aceitá-lo, disse.

Quando acordei, finalmente me senti mais normal, completou.

O paciente consegue se levantar e dar alguns passos e deve ter alta do hospital esta semana.

Transplantes penianos já haviam sido feitos, mas a soma do escroto representa um avanço adicional para a medicina.

Embora também tenha perdido os testículos na explosão, os médicos não os restauraram no transplante.

Os testículos não foram transplantados porque nós tomamos uma decisão no início do programa de não transplantar tecido que produza esperma porque isto traria uma série de questões éticas, explicou o cirurgião plástico da JHU, Damon Cooney.

Em particular, a capacidade do receptor do transplante em ter filhos resultaria na transmissão do material genético do doador do tecido transplantado à descendência do receptor, prosseguiu Cooney.

Embora tenha preservado a próstata na explosão, como perdeu os testículos, ele não conseguirá ejacular.

O primeiro transplante de pênis do mundo foi feito na China, mas precisou ser removido posteriormente devido a um severo problema psicológico no receptor e em sua esposa, explicaram os médicos.

Ainda segundo eles, apenas quatro transplantes penianos foram realizados com sucesso, inclusive o anunciado nesta segunda.

Dois foram feitos na África do Sul, país onde foi realizada a primeira cirurgia bem sucedida, em 2015. Os Estados Unidos fizeram o primeiro transplante peniano exitoso em 2016.

 

Últimas Notícias

Bolsonaro terá uma série de reuniões na próxima semana em Brasília
Com pênalti controverso, Brasil vence Uruguai por um a zero
Brasil está preparado para substituir médicos cubanos, afirma Temer
Chega a quatro número de vítimas das chuvas em Belo Horizonte
Estudantes poderão renovar o Fies até o dia 23
Massoterapeuta Dani Bumbum deixa prisão no Rio
Cervejas terão rótulos com os ingredientes usados na fabricação
Temporal causa mortes e estragos em BH; adolescente está desaparecida

MAIS NOTICIAS

 

Morre em Pelotas o criador da camisa canarinho, Aldyr Schlee
 
 
Brasil concentrou 40% dos feminicídios da América Latina em 2017
 
 
Jungmann e Toffoli anunciam sistema para unificar processos de presos
 
 
Pensamento liberal deve guiar a equipe econômica de Bolsonaro
 
 
Gold3-4 minutosfajn permanecerá à frente do BC até Senado aprovar Campos Neto
 
 
Senado argentino aprova orçamento de 2019 como prometeu ao FMI

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212