Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


24 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Carreta do Mulheres de Peito fica em Cotia até 28 de abril - Jornal Brasil em Folhas
Carreta do Mulheres de Peito fica em Cotia até 28 de abril


A cidade de Cotia, na zona Sudoeste da Região Metropolitana de São Paulo, recebe a carreta-móvel do programa “Mulheres de Peito” até o próximo dia 28 de abril. A unidade móvel está na Av. Professor Manuel José Pedroso, nº 1.401, ao lado da Prefeitura e da Secretaria Municipal de Saúde.

Nela, mulheres entre 50 e 69 anos podem fazer o exame de câncer de mama sem pedido médico, por estarem mais propensas a desenvolver a doença. Para quem tem menos de 50 anos, o atendimento também é feito, mediante pedido médico, cartão do SUS e RG.

As imagens captadas pelos mamógrafos são encaminhadas para o Serviço Estadual de Diagnóstico por Imagem (Sedi) e o resultado dos exames fica pronto em até 48 horas após o procedimento. O veículo é equipado com aparelho de ultrassom, mamógrafo, conversor de imagens analógicas em digitais, impressoras, antena de satélite, computadores, mobiliários e sanitários.

Mulheres de Peito

O Governo do Estado de São Paulo criou, em dezembro de 2013, o programa Mulheres de Peito, que tem o objetivo de detectar precocemente o câncer de mama, em fases em que a mulher não apresenta nenhum sintoma. A ação incentiva mulheres a realizarem, gratuitamente, exames preventivos de mamografia a cada dois anos na rede pública.

Para isso, quatro carretas percorrem os municípios paulistas oferecendo exames preventivos de mamografia. Não é necessário agendamento. Os endereços das carretas estão disponíveis no site www.saude.sp.gov.br.

Além das carretas, o programa tem o telefone 0800 779 0000 para o agendamento de exames em um dos serviços com mamógrafo espalhados por todo o Estado. As pacientes podem marcar seus exames de mamografia sem necessidade de pedido médico, gratuitamente, pelo SUS (Sistema Único de Saúde).

O serviço telefônico está disponível de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Para o agendamento por telefone é importante que a mulher tenha em mãos o número do cartão SUS, endereço, telefone, data de nascimento e nome completo dos pais.

“Para a prevenção e o diagnóstico rápido do câncer de mama, a carreta é fundamental. Essa é a maior causa de morte por tumores em mulheres no Brasil e também em São Paulo. Por isso, o rastreamento tem o objetivo de facilitar o acesso das mulheres ao exame de mamografia e agilizar o diagnóstico e tratamento precoce para a doença”, diz Marco Antonio Zago, secretário de Estado da Saúde.

Caso seja detectado algum problema nos exames realizados nas carretas ou nos serviços de saúde agendados por meio do 0800, a paciente é encaminhada para acompanhamento e tratamento na unidade da Rede Hebe Camargo de Combate ao Câncer mais próxima da sua residência.

“A parceria do Governo do Estado conta com a rede Hebe Camargo de Combate ao Câncer, que oferece estrutura altamente qualificada para tratamento dos pacientes oncológicos, com atendimento humanizado, uma iniciativa diferenciada que fortalece a assistência oncológica”, afirma a coordenadora da Rede Hebe Camargo de Combate ao Câncer, Sônia Alves.

 

Últimas Notícias

Varejo perde R$ 19,5 bilhões em 2017 por danos em produtos e furtos
A partir deste sábado, candidatos só podem ser presos em flagrante
Brasileiros não se sentem prontos para lidar com a morte, diz pesquisa
Aos 95 anos, Gervásio Baptista recebe Medalha do Mérito Jornalístico
PF combate grupo criminoso responsável por contrabando de cigarros
Primavera começa hoje com possibilidade de novo episódio do El Niño
Facebook anuncia medidas para combater contas falsas e desinformação
Polícia Militar faz operação na Rocinha

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212