Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


21 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Parceria prevê 2,7 mil novas unidades habitacionais em São Paulo - Jornal Brasil em Folhas
Parceria prevê 2,7 mil novas unidades habitacionais em São Paulo


A prefeitura de São Paulo firmou hoje (26) com o Ministério das Cidades uma parceria para construção de 2,7 mil unidades habitacionais pelo programa Minha Casa, Minha Vida. O convênio terá ainda aporte do governo estadual. O investimento total será de cerca de R$ 340 milhões.

Os sete empreendimentos, que deverão ser contratados ainda este ano, deverão atender principalmente à Zona Leste da capital paulista, na região de São Mateus. Segundo o ministro das Cidades, Alexandre Baldy, aproximadamente 10 mil pessoas de famílias de baixa renda devem ser beneficiadas. “Pessoas que moram em condições sub-humanas, em áreas de risco, em encostas, que serão reacomodadas em unidades habitacionais do programa para que a gente garanta uma moradia digna, com qualidade”, destacou.
O secretário estadual de habitação, Nelson Baeta, o prefeito Bruno Covas, o ministro Alexandre Baldy e a secretária nacional de habitação, Socorro Gadelha firmam parceria para construção de casas pelo Programa Minha Casa, Minha Vida.

Até o fim do ano, devem ser contratadas, de acordo com o ministro, pelo menos 650 mil unidades habitacionais através do Minha Casa, Minha Vida. Para a faixa 1, em que a pessoa deve ter renda familiar máxima de R$ 1.800, o objetivo é assegurar 130 mil contratações. Para a faixa 1,5 (renda familiar de até R$ 2.350), a meta é de 70 mil; para a faixa 2 (renda familiar de até R$ 3.600), 400 mil unidades; e para a faixa 3 (renda familiar de até R$ 6.500), 50 mil novas unidades.

Para essas ações estão destinados R$ 9,7 bilhões do Orçamento Geral da União e R$ 63 bilhões do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). O ministro Alexandre Baldy disse que não há previsão de contingenciamento desses recursos.

Na cidade de São Paulo, a expectativa da prefeitura, de acordo com o secretário de Habitação, Fernando Chucre, é entregar 8 mil moradias em 2018, sendo 5 mil unidades ainda neste semestre, não necessariamente ligadas ao programa federal.

Edição: Lílian Beraldo

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212