Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


15 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Vacina de dengue feita nos EUA se revela 100 por cento eficaz em estudo limitado - Jornal Brasil em Folhas
Vacina de dengue feita nos EUA se revela 100 por cento eficaz em estudo limitado


Uma vacina contra dengue desenvolvida pelos Institutos Nacionais de Saúde dos Estados Unidos imunizou todas as pessoas que a receberam contra o vírus em um estudo pequeno, mas promissor, publicado nesta quarta-feira, e os pesquisadores disseram que ela pode estar amplamente disponível até 2018.

Os cientistas também expressaram a esperança de que a abordagem que usaram para a vacina contra dengue possa servir para criar uma vacina para o Zika vírus, que está na mesma família viral e é transmitido pela mesma espécie de mosquito – o Aedes Aegypti. O Zika, que está ligado no Brasil a numerosos casos de microcefalia, uma má-formação craniana, está se disseminando rapidamente pela América Latina e pelo Caribe.

Os pesquisadores administraram a vacina de dose única, chamada TV003, a um grupo de voluntários, e seis meses depois os expôs à dengue-2, uma das quatro cepas diferentes do vírus.

Todas as 21 pessoas ficaram protegidas da infecção, e todas as 20 pessoas que receberam uma injeção de placebo desenvolveram a infecção da dengue depois de serem expostas ao vírus. Todas estas tinham o vírus no sangue, 80 por cento desenvolveram irritação cutânea e 20 por cento mostraram uma contagem baixa de glóbulos brancos.

Os resultados foram muito promissores e criaram uma grande expectativa de que a vacina irá proteger pessoas em áreas onde a dengue é endêmica, disse a médica e pesquisadora de vacinas Anna Durbin, da Escola de Saúde Pública Johns Hopkins Bloomberg, na cidade norte-americana de Baltimore.

A dengue, encontrada nas regiões tropicais e subtropicais, infecta quase 400 milhões de pessoas em mais de 120 países anualmente. A maioria sobrevive com poucos sintomas ou nenhum, mas todos os anos mais de 2 milhões de pessoas desenvolvem dengue hemorrágica, que mata mais de 25 mil delas a cada ano.

A vacina foi feita com uma mistura de quatro vírus vivos e enfraquecidos direcionados a cada uma das quatro cepas diferentes.

Os voluntários foram expostos a uma versão geneticamente modificada do vírus da dengue-2 isolado em Tonga em 1974, que era conhecido por só causar uma doença amena.

Baseado em parte neste estudo, em fevereiro o Instituto Butantan iniciou um amplo teste clínico de Fase III para confirmar a eficácia da vacina em ocorrências naturais de dengue. Dezessete mil pessoas devem participar, disse Anna Durbin.

Se o teste no Brasil caminhar bem, o Butantan pode disponibilizar a vacina amplamente até 2018, acrescentou.

A empresa farmacêutica Sanofi já tem uma vacina contra dengue, a Dengvaxia, e em dezembro o México se tornou o primeiro país do mundo a aprovar seu uso. Mas a vacina de três doses só foi aprovada para ser aplicada em uma população limitada – pessoas entre 9 e 45 anos de idade que vivem em áreas onde a moléstia é endêmica, o que significa que crianças e turistas não podem recebê-la, e ainda há dúvidas sobre sua eficiência

 

Últimas Notícias

Mandetta é cotado para ser ministro da Saúde, diz Bolsonaro
Bolsonaro reconhece dificuldade para aprovar Previdência este ano
Petrobras inicia operação de plataforma no pré-sal da Bacia de Santos
Onyx diz que reforma da Previdência deve ficar para 2019
Facebook e Twitter dizem que Bolsonaro não pagou por impulsionamento
ONGs levarão à COP 14 recomendações relativas ao meio ambiente
Onyx refere-se a Bebbiano como futuro ministro
Dezoito governadores eleitos confirmam ida a evento com Bolsonaro

MAIS NOTICIAS

 

No Congresso, Temer defende reuniões frequentes entre Poderes
 
 
Bolsonaro reafirma, no Congresso, compromisso com a Constituição
 
 
Bolsonaro critica Enem e diz que prova deve cobrar conhecimentos úteis
 
 
Governo de transição dividiu trabalhos por temas em dez frentes
 
 
Para ministro, é “mais simples” unir MEC com Ciência e Tecnologia
 
 
Bolsonaro e Temer iniciam hoje formalmente governo de transição

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212