Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


17 de Dez de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Entidade vai ajudar Fazenda a escolher conselheiros de estatais - Jornal Brasil em Folhas
Entidade vai ajudar Fazenda a escolher conselheiros de estatais


A escolha dos membros independentes dos Conselhos de Administração das estatais vinculadas ao Ministério da Fazenda terão o apoio de uma entidade privada. A pasta firmou um acordo de cooperação com o Instituto Brasileiro de Governança Corporativa (IBGC) para ajudar na seleção.

Pelo acordo, o IBGC enviará ao ministério um conjunto de currículos de profissionais certificados pelo instituto que se enquadre nos perfis buscados pelo governo. A Fazenda, no entanto, esclareceu que a entidade apenas sugerirá os nomes, sem exclusividade no processo de seleção, cabendo ao ministério reservar-se o direito de escolher os candidatos de outra forma.

Segundo a pasta, o acordo não trará custos para a administração pública. Entre as estatais vinculadas à Fazenda estão a Casa da Moeda, o Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) e bancos públicos como o Banco do Brasil, a Caixa Econômica Federal, o Banco da Amazônia e o Banco do Nordeste.

O acordo permite ainda que os Conselhos de Administração de cada estatal use o banco de currículos para escolher os membros dos Comitês de Auditoria de cada empresa. Segundo o Ministério da Fazenda, a cooperação com a entidade resultará em mais transparência na administração das estatais, com a seleção de profissionais qualificados.

“O Ministério da Fazenda reafirma seu compromisso com o desenvolvimento da governança das empresas estatais, buscando a seleção de conselheiros de administração independentes com elevado preparo técnico, escolhidos de maneira objetiva e impessoal”, informou em nota.

Criada em 1995 com o nome de Instituto Brasileiro de Conselheiros de Administração (IBCA), a entidade passou a chamar-se Instituto Brasileiro de Governança Corporativa (IBGC) quatro anos mais tarde. Composto por empresários, conselheiros, executivos e estudiosos, o instituto tem como objetivo fortalecer a governança – administração transparente – nas empresas brasileiras.

Edição: Fernando Fraga

 

Últimas Notícias

Instituições financeiras reduzem previsão de déficit primário em 2018
Valor do seguro obrigatório cairá 63,3% em 2019
Eletrobras: suspensão de leilão se estende a Amazonas Energia
BNDES voltará a subscrever ações de empresas
Juros do cheque e empréstimo pessoal em 2018 foram menores que em 2017
São Paulo fecha ano com 9,9 milhões de empregos formais no comércio
Governo libera 100% de capital estrangeiro nas aéreas nacionais
BNDES fecha o ano com desembolsos de R$ 71 bilhões

MAIS NOTICIAS

 

Mega-Sena sorteia hoje prêmio de R$ 36 milhões
 
 
Câmara aprova incentivos fiscais a Sudene, Sudam e Centro-Oeste
 
 
Governadores discutem hoje segurança pública; Moro deve participar
 
 
Doria diz a Moro que estados precisam de recursos para a segurança
 
 
João de Deus afirma estar à disposição da Justiça
 
 
CGU recupera R$ 7,23 bilhões para os cofres públicos este ano

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212