Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


22 de Oct de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Guardia diz que Congresso é parceiro para aprovação de projetos - Jornal Brasil em Folhas
Guardia diz que Congresso é parceiro para aprovação de projetos


O ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, afirmou hoje (30) que o Congresso Nacional sempre foi um parceiro para aprovar projetos importantes para o governo. Guardia participou da cerimônia de abertura da Feira Internacional de Tecnologia Agrícola em Ação – Agrishow, em Ribeirão Preto.

“O Congresso Nacional sempre foi um parceiro. Aprovou medidas importantes como a regra do teto dos gastos, a reforma trabalhista, a nova taxa de juros de longo prazo. Então, nosso papel é seguir dialogando com o Congresso Nacional”, disse o ministro.

Segundo Guardia, há um conjunto de medidas que são fundamentais para consolidar o ajuste fiscal, como a reforma da Previdência, e ações para melhorar o ambiente de negócios, como a aprovação do cadastro positivo (inclusão automática dos bons pagadores) e a criação do registro eletrônico de duplicatas, em tramitação no Congresso Nacional. “O cadastro positivo e a duplicata eletrônica são projetos que vão ajudar não só a dar acesso a crédito aos pequenos produtores, pequenas e médias empresas e indivíduos, mas também reduzir o custo do crédito”, disse.

O ministro reforçou que a reforma da Previdência é prioritária para o equilíbrio fiscal, mas lembrou que enquanto durar a intervenção federal na segurança pública do Rio de Janeiro, a emenda à Constituição não pode ser aprovada.

O ministro acrescentou que o governo continua “trabalhando firme” em projetos como o de capitalização da Eletrobras e os leilões do pré-sal. “Temos uma oportunidade e extraordinária para fazer o leilão do pré-sal que é fundamental para atrair investimentos para o país”, disse.

Guardia disse também que a recessão econômica ficou para trás. “A economia cresceu um pouco no ano passado e este ano está acelerando o crescimento. Todos os setores estão apresentando crescimento. Não é um crescimento localizado”, disse, acrescentando que o investimento, um “indicador importante”, também está aumentando. “Precisamos persistir na agenda de reforma que é o que vai assegurar esse crescimento sustentável”, enfatizou.

Edição: Denise Griesinger

 

Últimas Notícias

Após três quedas seguidas, dólar sobe e fecha o dia em R$ 3,72
Renan Filho: acordo para vender a Ceal depende de União quitar débitos
Riqueza das famílias brasileiras encolheu US$ 380 bilhões
Eletrobras deve liquidar Amazonas Energia, caso leilão fracasse
Dólar abre em queda de 0,52%, cotado a R$ 3,7028
Empresários da indústria estão mais confiantes, diz CNI
Preço da gasolina cai 2% nas refinarias a partir de amanhã
Cesp é vendida sem concorrência com ágio de 2,09%

MAIS NOTICIAS

 

Equipe de transição deve ser definida hoje à tarde, diz Caiado
 
 
ONS vai reforçar ações de segurança energética nas eleições e no Enem
 
 
Inflação medida pelo INPC sobe para 0,30% em setembro
 
 
Universidades particulares terão disciplina sobre primeira infância
 
 
Com Enem, horário de verão começa no dia 18 de novembro
 
 
Governo anuncia recursos de R$ 600 milhões para o ensino médio

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212