Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


22 de Jan de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Doenças causadas por carrapatos, pulgas e mosquito triplicaram nos EUA - Jornal Brasil em Folhas
Doenças causadas por carrapatos, pulgas e mosquito triplicaram nos EUA


Doenças como Zika, Lyme e Nilo causadas por mosquitos, carrapatos e de pulgas triplicaram nos Estados Unidos entre 2004 e 2016. Mais de 640 mil casos foram registrados no país no período analisado. Além disso nove novos germes transmitidos pelo carrapato foram descobertos nos últimos 13 anos. A informação foi divulgada pelo Centro de Controle e Prevenção de Doenças(CDC).

O relatório divulgado nessa terça-feira (1º) pelo CDC afirmou que estas doenças: Zika, Nilo Ocidental, Lyme e Chikungunya e outras infecções transmitidas por animais peçonhentos tem confrontado os Estados Unidos e deixado muitas pessoas doentes.

O estudo ainda não consolida números de 2017, mas com a proximidade do verão no país, as autoridades do CDC alertam os estados para reforçar campanhas para prevenção de picadas e infestações.

O diretor do CDC, Robert R. Redfield, afirmou que é preciso investir no controle dos vetores. As primeiras linhas de defesa são departamentos de saúde estaduais e locais e organizações de controle de vetores, e devemos continuar a melhorar nosso investimento capacidade de lutar contra essas doenças”.

A informação é parte do último relatório de Sinais Vitais dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças. Mas segundo o órgão, este é o primeiro estudo que examina coletivamente as tendências de várias doenças, transmitidas por diferentes insetos (mosquitos, pulgas e carrapatos).

A conclusão do estudo é que os Estados Unidos não estão completamente preparados para controle de doenças causadas por estes transmissores. Chamou a atenção dos pesquisadores o aumento de transmissões da Lyme, uma doença transmitida por carrapatos. A proliferação de doenças transmitidas pelo carrapato cresceu 60% e segundo o CDC varia de região para região.

Além disso, os vírus mais comuns transmitidos foram o Nilo, Dengue e Zika.

O CDC afirmou que o aumento de casos está relacionado há vários fatores: maior exposição da população, que viaja ou recebe viajantes de áreas contaminadas, que acabam trazendo os vírus e infestando os vetores dentro do país.

A recomendação da agência de controle de doenças é que os estados e o governo federal invistam para reduzir a propagação dessas doenças e responder efetivamente aos surtos. Isso exigirá investimento para controlar mosquitos,carrapatos e prevenir novas infecções, pondera o comunicado.

Edição: Valéria Aguiar

 

Últimas Notícias

Furto de combustível causou explosão que matou ao menos 66 pessoas
Sobe para 399 número de presos por ataques no Ceará
Migrantes desaparecidos em naufrágio no Mediterrâneo já são 114
Aniversário de São Paulo terá programação com diversidade de ritmos
Mais de 600 pessoas levavam gasolina na hora da explosão de oleoduto
Pré-carnaval movimenta foliões nas ruas do Rio
Brasil expressa condolências às famílias das vítimas no México
Marcha das Mulheres reúne milhares pelo mundo

MAIS NOTICIAS

 

ANP aprova credenciamento de empresa certificadora
 
 
Política de combate à inflação foi bem-sucedida, diz presidente do BC
 
 
Marcos Pontes: fusão de Embraer e Boeing preserva interesses do país
 
 
Número de linhas de celular tem maior queda do ano em novembro
 
 
ANP: Petrobras pede prazo maior para definir quais campos vai explorar
 
 
Ex-presidente do Banco Central defende política econômica do governo

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212