Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


22 de Oct de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Prazo para regulação de pacientes da Caravana de Sinop é até 18 de Maio - Jornal Brasil em Folhas
Prazo para regulação de pacientes da Caravana de Sinop é até 18 de Maio


Os municípios beneficiados na Caravana da Transformação em Sinop já iniciaram o cadastro de regulação dos pacientes que vão passar consultas e cirurgias. Ao todo, 18 municípios participam da 14ª edição da Caravana que será realizada entre os dias 21 de Maio e 02 de Junho, no estacionamento do Estádio Gigante do Norte.

Em Sinop, a regulação é feita nas unidades de saúde dos bairros e também na Central de Regulação. Para fazer o cadastro, é necessário ter idade a partir de 55 anos e apresentar o RG, Cartão do SUS e comprovante de endereço.

Ao receber o comprovante, o paciente terá acesso a data e horário do agendamento da consulta. As cirurgias de catarata, pterígio e yag laser são marcadas após avaliação médica na Caravana. Nesta edição mais de 5 mil pessoas devem passar pelo procedimento cirúrgico, conforme estimativa da organização. As consultas, exames e cirurgias são realizadas sem custos à população.

A regulação dos pacientes dos municípios de Sorriso, Cláudia, Feliz Natal, Santa Carmem, Ipiranga do Norte, Itanhangá, Lucas do Rio Verde, Nova Maringá, Nova Mutum, Nova Ubiratã, São José do Rio Claro, Santa Rita do Trivelato, Tapurah, Vera, Diamantino, Tabaporã e União do Sul, está sendo realizada apenas na Central de Regulação Municipal.

As Prefeituras municipais são responsáveis pelo deslocamento dos pacientes até a cidade sede e também pela entrega dos coletes que auxiliam na identificação da cidade. Eles estão separados por cor. Além de auxiliar a população que não tem condições de pagar uma cirurgia ou consulta particular, a Caravana da Transformação é realizada com recursos próprios do Governo do Estado e todos os procedimentos são pagos com valores da tabela SUS.

A equipe médica é formada por cirurgiões, anestesistas e um oftalmologista responsável pelo acompanhamento pós-operatório de 24h, sete dias e 30 dias.

 

Últimas Notícias

Após três quedas seguidas, dólar sobe e fecha o dia em R$ 3,72
Renan Filho: acordo para vender a Ceal depende de União quitar débitos
Riqueza das famílias brasileiras encolheu US$ 380 bilhões
Eletrobras deve liquidar Amazonas Energia, caso leilão fracasse
Dólar abre em queda de 0,52%, cotado a R$ 3,7028
Empresários da indústria estão mais confiantes, diz CNI
Preço da gasolina cai 2% nas refinarias a partir de amanhã
Cesp é vendida sem concorrência com ágio de 2,09%

MAIS NOTICIAS

 

Equipe de transição deve ser definida hoje à tarde, diz Caiado
 
 
ONS vai reforçar ações de segurança energética nas eleições e no Enem
 
 
Inflação medida pelo INPC sobe para 0,30% em setembro
 
 
Universidades particulares terão disciplina sobre primeira infância
 
 
Com Enem, horário de verão começa no dia 18 de novembro
 
 
Governo anuncia recursos de R$ 600 milhões para o ensino médio

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212