Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


13 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Rumo Certo leva cursos para unidades prisionais de Balsas, Coroatá e São Luís - Jornal Brasil em Folhas
Rumo Certo leva cursos para unidades prisionais de Balsas, Coroatá e São Luís


A execução de cursos presenciais de capacitação e qualificação profissional marcou, quarta-feira (2), a segunda etapa do Programa Rumo Certo. A iniciativa realizada pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (SEAP), objetiva o aumento do nível de escolaridade e profissionalização de pessoas presas e seus familiares, egressos e servidores do Sistema Penitenciário do Maranhão.

As aulas inaugurais, coordenadas pela Secretaria Adjunta de Atendimento e Humanização Penitenciária (SAAHP) da SEAP, por meio de sua Supervisão de Educação (SED), ocorreram na Unidade Prisional de Ressocialização Feminina (UPFEM) de São Luís. As aulas inaugurais também foram ministradas nas UPRs de Balsas e Coroatá.

“A UPFEM e as unidades de Balsas e Coroatá foram as três primeiras a receber os cursos presenciais do Programa Rumo Certo. Vamos estender esses cursos para todas as unidades prisionais do estado, de modo que todos serão beneficiados a medida em que vamos avançando também com a escolaridade, pilar primordial do programa”, adiantou o secretário da SEAP, Murilo Andrade de Oliveira.

Na UPFEM, por exemplo, 50 internas iniciaram o curso de ‘Moulage Básica’, técnica que consiste na moldagem tridimensional da roupa, a partir do corpo da pessoa. A capacitação, em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), ocorrerá de manhã e à tarde por um mês, e ao finalizar esta, outros cursos iniciarão.

Já nas unidades prisionais de Balsas e Coroatá, as pessoas presas foram contemplados, respectivamente, com os cursos de ‘Introdução à Mecânica de Motocicletas’ e ‘Pedreiro de Alvenaria’. Ao todo, 50 internos de cada uma das referidas unidades prisionais, foram inscritos nos cursos.

“Apenas com esses três primeiros cursos presenciais temos 150 pessoas presas em capacitação. Com a primeira etapa do programa, na modalidade EAD, temos 400 beneficiadas. A meta é beneficiar toda a população carcerária apta”, explica a secretária adjunta de Atendimento e Humanização Penitenciária (SAAHP), Kelly Carvalho.

 

Últimas Notícias

Nordeste perdeu 1 milhão de trabalhadores no campo de 2012 para 2017
IBGE prevê em 2019 safra de grãos 0,2% menor que a de 2018
Safra de grãos pode chegar a 238,3 milhões de toneladas, diz Conab
Banco do Brasil tem lucro de 14,3% no terceiro trimestre
Percentual de inadimplentes recua em outubro, diz CNC
Boletos vencidos de todos os tipos serão pagos em qualquer banco
Leonardo de Morais toma posse na presidência da Anatel
Natal deve movimentar R$ 53,5 bilhões na economia do país, prevê SPC

MAIS NOTICIAS

 

No Congresso, Temer defende reuniões frequentes entre Poderes
 
 
Bolsonaro reafirma, no Congresso, compromisso com a Constituição
 
 
Bolsonaro critica Enem e diz que prova deve cobrar conhecimentos úteis
 
 
Governo de transição dividiu trabalhos por temas em dez frentes
 
 
Para ministro, é “mais simples” unir MEC com Ciência e Tecnologia
 
 
Bolsonaro e Temer iniciam hoje formalmente governo de transição

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212