Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


22 de Jan de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Segurança nas eleições está garantida, diz presidente do TRE-RJ - Jornal Brasil em Folhas
Segurança nas eleições está garantida, diz presidente do TRE-RJ


Após se reunir com o interventor federal no Rio de Janeiro, general Walter Braga Netto, e com o secretário de Estado de Segurança, general Richard Nunes, o presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ), Carlos Eduardo da Rosa da Fonseca Passos, disse estar tranquilo de que não haverá problemas na área de segurança nas eleições gerais deste ano.

Passos afirmou que iria solicitar o envio de tropas federais, mas com a intervenção, a situação ficou muito mais facilitada. Ele disse que desde o final do ano passado o TRE-RJ estabeleceu um regime de coalizão com o Ministério Público Estadual, a Procuradoria Regional Eleitoral e as polícias Civil e Militar para a questão de segurança nas eleições.

Desde então nós estamos atuando de forma integrada, diria que é mais do que uma integração, há um espírito de camaradagem. Formamos grupos de trabalho específicos de inteligência, planejamento, logística, soluções tecnológicas, assessoria de imprensa e capacitação dos servidores para permitir que os trabalhos fluam de uma maneira mais simplificada.

As tropas federais já foram usadas para garantir a segurança nas eleições de 2014, com reforço no Complexo de Favelas da Maré, onde o exército já estava atuando na época, e em 2016 foram enviadas para municípios da baixada fluminense e da região metropolitana.

Passos participou hoje (7) da abertura do Seminário Corrupção e Eleições, na Escola de Magistratura do Estado do Rio de Janeiro (Emerj). Ele informou que o TRE-RJ publicou uma Instrução normativa conjunta com a corregedoria para padronizar procedimentos e formulários da fiscalização da propaganda eleitoral.

Também tomamos a iniciativa de dialogar com as redes sociais para evitar o que acontecia de desrespeito a decisão judicial. Ao invés de partirmos para tirar o WhatsApp do ar, ou outras medidas que inclusive acabam atingindo apenas o usuário, nós estamos em diálogo, e todos os casos até o momento de atuação do juiz da propaganda eleitoral essas postagens indevidas são retiradas de imediato do Facebook, WhatsApp, etc.

O presidente do TRE-RJ informou também que desde o ano passado a justiça eleitoral implantou o processo eletrônico e, pela primeira vez, a prestação de contas das eleições vai ser eletrônica, o que permite maior rapidez na análise e grande economia de papel.

Edição: Valéria Aguiar

 

Últimas Notícias

Furto de combustível causou explosão que matou ao menos 66 pessoas
Sobe para 399 número de presos por ataques no Ceará
Migrantes desaparecidos em naufrágio no Mediterrâneo já são 114
Aniversário de São Paulo terá programação com diversidade de ritmos
Mais de 600 pessoas levavam gasolina na hora da explosão de oleoduto
Pré-carnaval movimenta foliões nas ruas do Rio
Brasil expressa condolências às famílias das vítimas no México
Marcha das Mulheres reúne milhares pelo mundo

MAIS NOTICIAS

 

ANP aprova credenciamento de empresa certificadora
 
 
Política de combate à inflação foi bem-sucedida, diz presidente do BC
 
 
Marcos Pontes: fusão de Embraer e Boeing preserva interesses do país
 
 
Número de linhas de celular tem maior queda do ano em novembro
 
 
ANP: Petrobras pede prazo maior para definir quais campos vai explorar
 
 
Ex-presidente do Banco Central defende política econômica do governo

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212