Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


24 de Jan de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Temer responde perguntas de ouvintes no programa A Voz do Brasil - Jornal Brasil em Folhas
Temer responde perguntas de ouvintes no programa A Voz do Brasil


Em entrevista exclusiva para o programa A Voz do Brasil, que foi ao ar hoje (9), o presidente Michel Temer fez um balanço dos dois anos de seu governo, que serão completados no próximo sábado (12). Ele também respondeu a perguntas de ouvintes sobre diversos temas como os programas Bolsa Família, Minha Casa, Minha Vida, além de economia, educação e saúde.

Respondendo à beneficiária do Bolsa Família Vilma Lima, de Petrolândia (PE), Temer disse que o benefício terá um aumento de 5,67% a partir de julho, e que o governo está reforçando a fiscalização do programa, o que irá beneficiar mais famílias. “Em apenas dois anos, reajustamos o Bolsa Família em mais de 18%. Nesse período, a inflação ficou em 5,5%. ou seja, o reajuste foi três vezes maior que a inflação indicada nesse período”, disse.

Temer também lembrou a retomada das obras do programa Minha Casa, Minha vida. A ouvinte Maria Lúcia Brito, de Boqueirão (PB), convidou o presidente para a inauguração de um projeto habitacional financiado pelo programa. “Quando assumimos, não tive dúvidas de que precisávamos retomar o Minha Casa, Minha Vida. Eram inúmeras obras e projetos parados em todo o país. E o resultado a gente vê aí, estou viajando por todo o Brasil entregando casas para quem esperava há muito tempo a realização desse sonho”, disse.

O presidente também foi questionado pelos ouvintes sobre economia. O presidente disse que nos últimos meses o governo não vai “relaxar”. “Nesse curto espaço de tempo vamos fazer muito ainda. Não tivemos medo de tomar medidas duras mas necessárias para mudar os rumos do país”, disse Temer. Sobre a geração de empregos, ele disse que o país vive uma espécie de “onda positiva”. “[É] a economia forte que abre caminhos para o consumo, que abre portas para o emprego e que assegura o salário para o trabalhador, que respira aliviado.”
Educação

O estudante William Ferreira, de 17 anos, morador de Cristalina (GO), perguntou para o presidente sobre o financiamento estudantil em universidades privadas, caso ele não consiga ingressar em uma universidade pública. Temer respondeu que além das bolsas do Programa Universidade para Todos (Prouni), o jovem também pode recorrer ao Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), que teve mudanças no ano passado. “Nós mudamos as regras para atender quem realmente precisa. Agora, o juro é zero para quem tem baixa renda”, explicou o presidente.

Saúde

Sobre saúde, Temer disse que o governo ampliou o número de consultas nas unidades básicas de saúde e renovou 65% da frota do Samu. “Tudo isso foi possível mudando a forma de administrar o dinheiro. Economizamos R$ 2,5 bilhões, que foram reinvestidos integralmente no atendimento à população, com a realização de exames e cirurgias”.
Segurança

O morador de Natal (RN) Werley Moura perguntou ao presidente qual é a solução para os problemas de segurança no país. “Estamos enfrentando essa questão com muita coragem, começamos com a criação do Ministério Extraordinário da Segurança Pública, que representa uma guinada no enfrentamento à violência no nosso país. É preciso uma ação coordenada em todo o país”, disse. O presidente também citou a intervenção federal no Rio de Janeiro que, segundo ele, já mostra resultados positivos.

O programa A Voz do Brasil, produzido pela Empresa Brasil de Comunicação (EBC), está há mais de 80 anos no ar e pode ser veiculado pelas emissoras de rádio no intervalo das 19h às 22h.

Edição: Denise Griesinger

 

Últimas Notícias

Chega a 73 o número de mortos em explosão no México; feridos somam 74
Forte terremoto de magnitude 6,7 atinge o Chile
Mais de 150 imigrantes se afogam no Mar Mediterrâneo
Brasil e Europa vão ser interligados por novo cabo submarino
Acordo para mudar nome da Macedônia gera protestos em Atenas
Ghosn está disposto a aceitar qualquer condição para obter fiança
Bombeiros buscam pessoa desaparecida depois de tromba dágua no Rio
Mega-Sena acumula de novo e pode pagar R$ 38 milhões na quarta-feira

MAIS NOTICIAS

 

ANP aprova credenciamento de empresa certificadora
 
 
Política de combate à inflação foi bem-sucedida, diz presidente do BC
 
 
Marcos Pontes: fusão de Embraer e Boeing preserva interesses do país
 
 
Número de linhas de celular tem maior queda do ano em novembro
 
 
ANP: Petrobras pede prazo maior para definir quais campos vai explorar
 
 
Ex-presidente do Banco Central defende política econômica do governo

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212