Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


27 de May de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Dia de festa e velórios em Israel, Gaza e Cisjordânia - Jornal Brasil em Folhas
Dia de festa e velórios em Israel, Gaza e Cisjordânia


Dia de festa e velórios em Israel, Gaza e Cisjordânia. Os israelenses comemoram o reconhecimento norte-americano de Jerusalém como a sua capital. Este é o significado da inauguração da nova embaixada dos Estados Unidos (EUA), transferida de Tel-Aviv, onde permanecem as embaixadas de 86 outros países, inclusive a do Brasil.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, aparece na festa via internet, mas está representado por sua filha Ivanka Trump e o genro, Jared, à frente de uma grande delegação que inclui o secretário do Tesouro. Será o momento da explosão de champanhas, entre 11 horas e meio-dia - horário brasileiro.

A explosão da violência está contida na fronteira de Gaza e na Cisjordânia, e começou desde bem cedo, com o número de mortos subindo a cada instante. Esta segunda-feira (14) marca também o aniversário oficial dos 70 anos da independência de Israel, comemorado pelos israelenses há duas semanas, pelo calendário lunar.

Para os árabes, é o dia da Nakba ou a Catástrofe. Nas últimas sete sextas-feiras, os palestinos confrontaram o Exército israelense com a Marcha do Retorno – o retorno de quem fugiu ou foi expulso durante a guerra de independência, iniciada por países árabes que não aceitaram a partilha da Palestina. Pedras contra balas, drones contra pipas incendiárias e o total foi 50 mortos.

Ao amanhecer, a aviação israelense despejou panfletos em árabe pedindo aos palestinos que não saíssem para a manifestação e não tentassem irromper a fronteira com Israel. Inútil: 15 mil atenderam a convocação por Al Kuds, a Santa, o nome árabe de Jerusalém.

As duas últimas decisões de Trump, sair do acordo nuclear com o Irã e reconhecer Jerusalém como capital de Israel, têm o potencial de incendiar o Oriente Médio. A Liga Árabe marcou reunião para quarta-feira (16). E a Al Qaeda proclamou a Jihad, a Guerra Santa, contra os Estados Unidos.

*Apresentador e editor-executivo do Programa Um Olhar sobre o Mundo, da TV Brasil, e comentarista da Rádio Nacional.

Edição: Valéria Aguiar

 

Últimas Notícias

Decreto de Temer autoriza militares a usar força contra caminhoneiros
Câmara realiza sessão extra pra alterar lei que trata de doação de imóveis
Senadores apresentam projeto que limita ICMS sobre combustíveis
Ata do Copom diz que manutenção da Selic foi a melhor decisão
Brasileiros apostam em inflação de 5,3% para os próximos 12 meses
BC decreta liquidação extrajudicial da corretora Gradual
Caminhoneiros entram no segundo dia de bloqueio nas estradas
Governo reduz estimativa de crescimento para 2,5% em 2018

MAIS NOTICIAS

 

Trump anuncia nesta terça-feira decisão sobre acordo nuclear com o Irã
 
 
Fugindo da crise e da insegurança, brasileiros migram para Portugal
 
 
Argentina recorre ao FMI para equilibrar contas
 
 
Brasil e mais 40 nações apelam à OMC contra guerra comercial
 
 
Macri admite que Argentina precisa de apoio externo e recorre ao FMI
 
 
Donald Trump retira Estados Unidos do acordo nuclear com Irã

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212