Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


17 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Petrobras adere a novo nível de governança corporativa da bolsa - Jornal Brasil em Folhas
Petrobras adere a novo nível de governança corporativa da bolsa


A Petrobras informou hoje (14) que migrou para o segmento Nível 2 de governança corporativa da bolsa de valores B3, um patamar intermediário entre o Nível 1 e o Nível Novo Mercado. A escala de governança classifica as empresas de acordo com os direitos assegurados aos acionistas na gestão da empresa e a divulgação de informações ao mercado.

De acordo com a Petrobras, a partir de hoje suas ações passarão a ser negociadas no segmento especial, que exige atendimento a regras de governança diferenciadas e o aprimoramento da qualidade das informações prestadas pela empresa.

“É um caminho sem volta na direção de dar mais transparência, dar um tratamento mais equânime a todos os acionistas da companhia. É uma conquista muito boa para a companhia”, disse o gerente-executivo de governança da estatal, Pedro Sutter.

Para subir ao Nível 2, a empresa teve que ampliar as atribuições do Comitê dos Minoritários, que passará a fazer o assessoramento prévio aos acionistas em situações críticas, como a aprovação de fusões com outras empresas e contratos entre o governo e a empresa.

A Petrobras também passou a contar com regras novas para a oferta pública de ações e a prever procedimento arbitral para questões provenientes do regulamento do Nível 2, entre outras coisas.

“Há muitos investidores que são focados em aspectos de governança e sustentabilidade. Temos dado uma atenção especial a esses investidores. Acho que [a migração para o Nível 2] pode atrair não só uma maior confiança não só por parte desses como dos investidores de uma maneira geral”, afirmou a gerente-executiva de Relações com Investidores da estatal, Isabela Rocha. “Isso faz parte de um processo de resgate da confiança e reputação que a empresa tem passado.”

Edição: Maria Claudia

 

Últimas Notícias

Presidente Díaz-Canel defende trabalho de médicos cubanos no Brasil
Ministério vai lançar edital para repor vagas de médicos cubanos
CFM afirma que há médicos suficientes para atender Brasil
Associação lança projeto para conscientizar população sobre diabetes 2
Transposição do S. Francisco está na pauta de prioridades da transição
Temer inaugura primeira etapa do acelerador de elétrons Sirius
Temer diz que decidirá “lá na frente” reajuste de ministros do STF
Só um governador do Nordeste participa de encontro em Brasília

MAIS NOTICIAS

 

Volume de vendas do varejo cai 1,3% em setembro
 
 
Gilmar Mendes suspende decisão que obriga bancos a ressarcir clientes
 
 
Prefeitos e secretários pedem para manter cubanos no Mais Médicos
 
 
Em depoimento, Lula nega que é dono de sítio em Atibaia
 
 
Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 33 milhões no próximo sorteio
 
 
Enem: estudantes fazem hoje prova de matemática e ciências da natureza

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212