Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


23 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Caixa promove Feirão da Casa Própria em sete cidades até domingo - Jornal Brasil em Folhas
Caixa promove Feirão da Casa Própria em sete cidades até domingo


As pessoas interessadas em adquirir imóveis com melhores condições de financiamento terão mais uma oportunidade de compra a partir de hoje (25), com o Feirão da Casa Própria da Caixa. No total, estão sendo ofertados 58 mil terrenos, casas, apartamentos novos e usados. O feirão ocorre até domingo (27) nas cidades de Brasília, Belém, Campinas, em São Paulo, Curitiba, Florianópolis, Fortaleza e Recife.

Durante o feirão, o público, além de ser assessorado por equipes do banco quanto à aplicação de valores do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) na quitação de parcelas, poderá simular o valor das prestações. Segundo Tatiana Gobbi, superintendente da Caixa responsável pelo setor norte de Brasília, a edição da capital federal está oferecendo 8 mil imóveis, com propostas para todos os bolsos. Do total, 7 mil são imóveis novos.

As chances de fechar negócio, segundo ela, também aumentam porque o catálogo do feirão, que, em uma passagem por outras oito cidades, recebeu mais de 135 mil pessoas em dois finais de semana, coloca à disposição dos interessados propriedades com preços reduzidos. No caso de imóveis vendidos através de leilões, distribuídos ao longo dos três dias do evento, o desconto chega a 90% do valor de mercado.

A lógica do leilão é simples: leva o imóvel quem der o maior lance, respeitando a quantia mínima estipulada para a venda. Qualquer pessoa (física ou jurídica) domiciliada ou estabelecida no Brasil e com, no mínimo, 18 anos de idade pode participar.

O feirão também é uma boa ocasião para famílias de baixa renda conseguirem realizar o sonho da casa própria, já que, entre os imóveis oferecidos, estarão alguns pertencentes ao Programa Minha Casa, Minha Vida, que atende a pessoas com ganhos familiares mensais de até R$ 1.800. Outra opção, para quem quer trabalhar com uma linha de tempo maior, são as ofertas de consórcio imobiliário, acrescentou a superintendente.

Nos estandes do evento, equipes da Caixa fazem análise de risco de quem estiver interessado em obter crédito para utilizar no pagamento do imóvel desejado. O crédito é concedido com base em informações como renda, adimplência e capacidade de manter as contas em dia. O prazo máximo para parcelamento de imóveis é de 35 anos, com condições de juros que variam conforme a linha de financiamento indicada para cada cliente.

Tatiana Gobbi informou, ainda, que as construtoras e as imobiliárias também estão instruindo os visitantes sobre impostos que incidem sobre documentos emitidos em transferências de titularidade de imóveis e registros protocolados em cartórios. E aqueles que já são donos de imoveis podem vir para conhecer serviços de proteção contra danos físicos, como seguro-incêndio, destacou.

A Caixa orienta que, para que possa aproveitar todos os serviços do evento, o público compareça levando originais e cópias de um documento de identificação (RG, CNH ou carteira de trabalho), do CPF (Cadastro de Pessoas Físicas) e de comprovantes de renda e de residência atualizados.

Em caso de dúvida, os interessados em adquirir os imóveis também poderão entrar contato por outros canais de atendimento do banco, como o telefone 0800 726 0101, disponível 24 horas por dia, inclusive nos fins de semana. Já o cálculo do valor das prestações, além da simulação presencial, feita com o auxílio dos atendentes do feirão, pode ser efetuado pela internet, pelo Simulador Habitacional.

Edição: Aécio Amado

 

Últimas Notícias

Saúde libera recursos para atender moradores da região de Brumadinho
Justiça determina prisão preventiva de acusado de espancar paisagista
Irmão de mulher espancada diz que ainda está chocado com a violência
Flamengo pede mais prazo para decidir sobre indenização de vítimas
Profissionais que atuaram em Brumadinho serão monitorados
Auditores descobrem 158 Kg de cocaína na fronteira com a Bolívia
Governo determina medidas de precaução para barragens em todo o país
Bolsonaro irá ao Congresso entregar texto da reforma da Previdência

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212