Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


15 de Aug de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Trump confirma encontro com Kim Jong-un em Singapura - Jornal Brasil em Folhas
Trump confirma encontro com Kim Jong-un em Singapura


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, confirmou hoje (1º) que vai se encontrar com o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, em Singapura, no dia 12 deste mês, como estava previsto inicialmente desde que a cúpula foi anunciada. A declaração foi feita depois de o presidente se reunir na Casa Branca com Kim Yong Chol, considerado o braço direito do líder norte-coreano.

Trump disse que não discutiu direitos humanos com o representante norte-coreano e que as sanções ao país asiático serão mantidas. Ele ressaltou que não haverá novas sanções enquanto estiverem em curso as negociações. “Eu espero que chegue o dia em que eu possa retirar as sanções”, afirmou Trump.

O presidente americano e o representante de Kim Jong-un também conversaram sobre a negociação para pôr fim, de maneira formal, à guerra da Coreia, que até hoje não terminou, apenas foi interrompida por um armistício.

Trump também disse que Japão, Coreia do Sul e China terão que desempenhar papeis importantes para ajudar a Coreia do Norte a se desenvolver: “É a vizinhança deles. Nós estamos muito longe”, afirmou.

Cúpula

A reunião foi primeiro anunciada pela Casa Branca em março, porém, depois de muitas trocas de acusações entre líderes norte-americanos e norte-coreanos, acabou sendo cancelada no último dia 24 por uma carta de Trump acusando a Coreia do Norte de “hostilidade aberta”. Logo depois, no mesmo dia, Trump voltou a dizer que a reunião ainda poderia acontecer.

Ontem, Kim Yong Chol foi a Nova York para se reunir com o secretário de Estado norte-americano, Mike Pompeo. Ficou combinado que ele iria a Washington nesta sexta-feira entregar uma carta do líder norte-coreano ao presidente dos Estados Unidos. Desde 2000, durante a presidência de Bill Clinton, um funcionário tão alto do governo norte-coreano não visitava a Casa Branca.

Trump disse que o encontro, daqui a menos de 10 dias, pode não resolver todas as questões pendentes entre Coreia do Norte e Estados Unidos, mas será o início de um processo de construção de relacionamento bilateral.

Edição: Nádia Franco

 

Últimas Notícias

Trabalhadores de todas as idades já podem sacar cotas do Pis/Pasep
Estimativa do mercado financeiro para inflação sobe para 4,15%
Maduro diz que aceita colaboração do FBI, mas impõe condições
Disputa entre EUA e Turquia afeta as bolsas asiáticas
Secretário dos EUA discute com brasileiros defesa na América do Sul
Programa Um Olhar sobre o Mundo entrevista o fotógrafo Paulo Vitale
Após explosão em Ipatinga, sindicato quer mais segurança
Morre em São Paulo Cláudio Weber Abramo

MAIS NOTICIAS

 

Convenção do PSDB lança candidaturas de José Eliton, Marconi e Lúcia Vânia
 
 
ANP faz tomada pública sobre preço de etanol nas usinas
 
 
China e União Europeia se unem para apoiar comércio multilateral
 
 
Gabinete de intervenção vai comprar munição para polícia do Rio
 
 
PSDB confirma Alckmin como candidato a presidente da República
 
 
Álvaro Dias é oficializado candidato à Presidência pelo Podemos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212