Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


14 de Dez de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Brasil demonstra preocupação com onda de violência na Nicarágua - Jornal Brasil em Folhas
Brasil demonstra preocupação com onda de violência na Nicarágua


A onda de violência na Nicarágua preocupa o governo do Brasil. Em nota, o Ministério das Relações Exteriores, Itamaraty, apelou para que o governo do presidente Daniel Ortega busque o diálogo com os segmentos sociais em busca de um acordo pacífico para encerrar os protestos que dominam o país desde 18 de abril.

“O governo brasileiro insta o governo nicaraguense a criar as condições para a retomada do diálogo nacional conduzido pela Conferência Episcopal da Nicarágua. O governo brasileiro entende que não pode haver solução pacífica para o conflito sem a participação de todas as forças políticas nicaraguenses nesse processo.”

O Centro Nicaraguense de Direitos Humanos (Cenidh) estima que, que desde abril, morreram 135 pessoas e pelo menos mil ficaram feridas. Os manifestantes saíram às ruas em várias cidades da Nicarágua em reação à reforma da Previdência. Com a repressão violenta por parte de forças oficiais, os manifestantes passaram a criticar o governo Ortega.

A Igreja Católica foi chamada para mediar um acordo de paz, mas abandonou após as mortes recentes. Não há previsão do retorno da igreja às mediações. Na nota, o Itamaraty reiterou as críticas à violência e à repressão no país.

“O governo brasileiro condena com veemência a continuidade da ocorrência de situações de violência e intimidação, com uso desproporcional de força, contra a população civil no contexto de manifestações pacíficas em prol de reformas democráticas na Nicarágua, como aquelas mantidas em 30 de maio passado durante a Marcha das Mães”.

No último dia 5, durante a 48ª Assembleia Geral da Organização dos Estados Americanos (OEA), o Brasil e vários países, defenderam a vistoria de um grupo de peritos internacionais à Nicarágua para investigar e apurar responsabilidades “pela violência perpetrada contra a população civil”.

Edição: Davi Oliveira

 

Últimas Notícias

Deputado Marlúcio entrega título de Cidadã Goiana a cantora Joelma
Fundo Nacional do Idoso é aprovado na Câmara
Aval do TCU é suficiente para cessão onerosa, dizem técnicos da Corte
Acordo possibilitará investimentos privados em segurança pública
Vazamento de óleo afetará reprodução da fauna em mangue, diz ONG
Temer e Bolsonaro lamentam tragédia em Campinas
Jungmann coloca PF à disposição para apuração de caso de Campinas
Ministro da Cultura inicia comemorações aos 200 anos da independência

MAIS NOTICIAS

 

Novo crediário para cartão é estudado para 2019, diz Febraban
 
 
Demanda por bens industriais cresce 0,3% em outubro
 
 
Diálogo Brasil debate projeto Escola sem Partido
 
 
Brasileiro é eleito para Associação Internacional de Seguridade Social
 
 
Polícia e MP de Goiás vão apurar denúncias contra médium João de Deus
 
 
ONG homenageia policiais militares mortos no estado do Rio

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212