Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


16 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 BC anuncia mais injeção de dólares no mercado de câmbio - Jornal Brasil em Folhas
BC anuncia mais injeção de dólares no mercado de câmbio


O Banco Central informou hoje (22) que continuará ofertando contratos de swap cambial, equivalente à venda futura de dólares, ao longo da próxima semana. O objetivo é prover liquidez ao mercado de câmbio, evitando a volatilidade da moeda norte-americana frente ao real.

“O BC reafirma que não vê restrições para que o estoque de swaps cambiais exceda consideravelmente os volumes máximos atingidos no passado”, diz o órgão, em nota. Além dos contratos de swap, o Banco Central informa que também realizará, na próxima segunda-feira (25), leilão de linha (venda de dólares com compromisso de recompra) no valor total de US$ 3 bilhões.

Na semana passada, em São Paulo, o presidente do BC, Ilan Goldfajn, defendeu a intensificação do uso de swaps cambiais, em coordenação com o Tesouro Nacional, para dar liquidez ao mercado de juros, e afirmou que a instituição poderia ir além do recorde de recursos utilizado no passado, de US$ 115 bilhões. “Vamos intensificar seu uso no curto prazo”, declarou.

Na última terça-feira (19), no entanto, com menos pressões do mercado internacional, o Banco Central (BC) deixou de vender dólares no mercado futuro pela primeira vez desde 11 de maio.

Nesta sexta-feira (22), apesar das intervenções do BC com a realização de um leilão extraordinário de swap cambial na tentativa de manter estável a cotação do dólar, a cotação da moeda fechou em alta de 0,53%, valendo R$ 3,7831. O BC injetou US$ 1 bilhão, totalizando US$ 5 bilhões dos US$ 10 bilhões disponíveis para semana.

Leilões extraordinários

Em ação coordenada com o BC, o Tesouro Nacional confirmou a realização de leilões de compra e de venda dos seguintes de títulos da dívida pública na semana que vem. Nos dias 25, 27 e 27 de junho, serão negociadas Notas do Tesouro Nacional Série F (NTN-F), com com vencimentos em 01/01/2023, 01/01/2025, 01/01/2027 e 01/01/2029, além de Letras do Tesouro Nacional (LTN), com vencimentos em 01/07/2020, 01/07/2021 e 01/01/2022.

Já nos dias 26 e 28 de junho, serão realizados leilões de Notas do Tesouro Nacional, série B (NTN-B), com vencimentos em 15/08/2020, 15/05/2021, 15/08/2022 e 15/05/2023. As portarias dos referidos leilões serão divulgadas no dia útil imediatamente anterior às respectivas ofertas. O Tesouro Nacional poderá ainda realizar leilões adicionais, caso avalie ser necessário, disse o órgão.

Ainda segundo o Tesouro, ficam cancelados os leilões tradicionais de venda de Notas do Tesouro Nacional, série B (NTN-B) e de títulos prefixados (NTN-F e LTF) que estavam previstos para os dias 26 e 28 de junho.

Edição: Davi Oliveira

 

Últimas Notícias

Presidente Díaz-Canel defende trabalho de médicos cubanos no Brasil
Ministério vai lançar edital para repor vagas de médicos cubanos
CFM afirma que há médicos suficientes para atender Brasil
Associação lança projeto para conscientizar população sobre diabetes 2
Transposição do S. Francisco está na pauta de prioridades da transição
Temer inaugura primeira etapa do acelerador de elétrons Sirius
Temer diz que decidirá “lá na frente” reajuste de ministros do STF
Só um governador do Nordeste participa de encontro em Brasília

MAIS NOTICIAS

 

Volume de vendas do varejo cai 1,3% em setembro
 
 
Gilmar Mendes suspende decisão que obriga bancos a ressarcir clientes
 
 
Prefeitos e secretários pedem para manter cubanos no Mais Médicos
 
 
Em depoimento, Lula nega que é dono de sítio em Atibaia
 
 
Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 33 milhões no próximo sorteio
 
 
Enem: estudantes fazem hoje prova de matemática e ciências da natureza

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212