Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


18 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Goiás e USP agora são parceiras para inovaçã - Jornal Brasil em Folhas
Goiás e USP agora são parceiras para inovaçã


O Governo do Estado de Goiás e a USP (Universidade de São Paulo), por meio da Agência USP de Inovação, firmaram ontem, segunda-feira, dia 21 de março, um acordo para a instalação de um plano de inovação, com a presença dos governadores Geraldo Alckmin (PSDB-SP) e Marconi Perillo (PSDB-GO). A iniciativa faz parte do programa Inova Goiás, com recursos previstos na ordem de R$ 1,5 bilhão, que deverão ser aplicados até 2018.

O programa visa à integração entre Governo, a Universidade e demais Instituições de Ciência, Tecnologia e Inovação (ICTIs), além do setor produtivo. O Estado de Goiás fomentará esta integração a partir de ações que fortaleçam o ecossistema de inovação goiano, direcionando não somente esforços para a inovação desenvolvida pelo setor privado, mas também por ações que fortaleçam a inovação e tecnologia no setor público.

"Nós temos que nos preparar para um novo momento e a inovação, tecnologia e ciência são o caminho. Eu disse para o governador de Goiás, Marconi Perillo, e para o reitor da USP, doutor Marco Antonio Zago, que a parceria é uma dobradinha assim como Neymar e Messi, parceria de craques", destacou o governador Geraldo Alckmin.

O governador Marconi Perillo disse que o acordo de cooperação com a USP é um dos mais importantes para o Estado. “Para nós, goianos, é uma honra sermos parceiros da mais importante universidade da América Latina”, ressaltou.

“Vamos oferecer todo a nossa expertise na integração desses setores para colocar Goiás entre os três estados do Brasil com maior investimento em inovação”, ressalta o Prof. Dr. Vanderlei Salvador Bagnato, coordenador da Agência USP de Inovação.

“Nosso papel é aproximar as pesquisas das empresas instaladas no Estado e promover um ambiente de inovação, gerando maior conectividade entre as partes envolvidas”, explica Bagnato. Segundo ele, “o plano vai promover o desenvolvimento competitivo da economia goiana via agregação de valor pelas empresas por meio da ciência, tecnologia e inovação”.

 

Últimas Notícias

Governadores pedem ao STF julgamento de processos sobre repasses
Ministro quer atrair investimentos privados para Jardim Botânico do RJ
Fies vai oferecer 100 mil vagas a juro zero para alunos de baixa renda
TJ libera R$ 13 milhões para Vale ressarcir gastos do governo mineiro
Vale pede mais tempo para analisar Termo de Ajuste Preliminar
Deputados do Rio presos podem ter posses suspensas
Vale suspende operação em barragem em Brucutu e de mina em Brumadinho
TRE-RJ mantém ex-deputado Paulo Melo inelegível até 2024

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212