Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


21 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Copa do Mundo: 14º dia teve vitória brasileira e eliminação alemã - Jornal Brasil em Folhas
Copa do Mundo: 14º dia teve vitória brasileira e eliminação alemã


No 14º dia da Copa do Mundo, a seleção brasileira garantiu a vaga nas oitavas de final, ao vencer a Sérvia por 2 a 0. O Brasil se classificou como líder do Grupo E, com 7 pontos. Os alemães perderam para a Coreia do Sul, também por 2 a 0, e estão fora do Mundial. O México perdeu para a Suécia por 3 a 0 e só se classificou porque a Alemanha perdeu seu jogo.

Na próxima fase, Brasil e México se enfrentam, enquanto a Suíça, que classificou em segundo no Grupo E, joga contra a Suécia.

Grupo F

Alemanha 0 x 2 Coreia do Sul

Da Alemanha, após a vitória heroica no último minuto na rodada anterior, esperava-se um jogo mais inspirado. Mas esse futebol ficou lá em 2014. A Alemanha fez três partidas ofensivamente pobres nesta Copa e em nada lembrou o time que levou a taça no Maracanã, há quatro anos. Faltaram criatividade, inspiração e o sangue frio que fez o futebol alemão ser tão respeitado nos últimos anos.

A Coreia jogava contra a Alemanha e contra si mesma. Tecnicamente limitada, teve vários contra-ataques favoráveis para matar o jogo bem antes dos acréscimos. Mas pecava na hora de driblar ou finalizar. Os coreanos conseguiram dois gols após os 45 minutos do segundo tempo e, com isso, voltam para casa com sua vitória pessoal alcançada. O sorriso no rosto de todo o time e da comissão técnica mostrava isso.


Suécia 3 x 0 México

Já o México sofreu. O mexicano não sabia para quem torcer, se para seu time, irreconhecível contra a Suécia, ou pela Coreia, que tinha melhor sorte na outra partida. Os mexicanos seriam eliminados caso a Alemanha vencesse. Precisando apenas de um empate para se classificar, os mexicanos jogaram na defesa e não resistiram ao forte ataque sueco.

Grupo E

Brasil 2 x 0 Sérvia

O Brasil tem melhorado de rendimento a cada partida. Aos poucos, passa a ter mais domínio ofensivo sem tentativas desesperadas de marcar o gol. Hoje foi a partida mais lúcida de Neymar. Sem reclamar da arbitragem e forçar jogadas pelo meio, com dribles infrutíferos, o camisa 10 deu segurança para o ataque brasileiro pelo lado esquerdo do campo.

A saída precoce do lateral-esquerdo Marcelo, com dores na região lombar, deixou o time apático por alguns minutos. Mas a equipe soube se reestruturar, mantendo a paciência e trocando muitos passes. A vitória contra a Sérvia mostrou um time frio, calculista e seguro. Em nada lembra o folclórico futebol brasileiro, alegre e com muitos dribles. Mas o jogo de hoje do Brasil mostrou um futebol eficiente em um torneio em que muitas grandes seleções têm sofrido sem um padrão claro de jogo. Argentina, Espanha e Alemanha que o digam.

Suíça 2 x 2 Costa Rica

No outro jogo, a Costa Rica levou seu prêmio de consolação para casa. Arrancou um empate no apagar das luzes na partida contra a Suíça. A nova determinação da Fifa criou uma estatística interessante. O segundo gol da Costa Rica, em cobrança de pênalti, foi considerado gol contra do goleiro Sommer. Tudo porque Bryan Ruiz chutou na trave, mas a bola rebateu na cabeça do goleiro e entrou. Nesta Copa, a Fifa determinou que o gol deve ser dado àquele que toca por último na bola, ainda que acidentalmente.

Edição: Juliana Andrade

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212