Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


22 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 No Rio, torcedores portugueses sofrem com derrota da seleção - Jornal Brasil em Folhas
No Rio, torcedores portugueses sofrem com derrota da seleção


A supremacia portuguesa no Centro de Abastecimento do Estado da Guanabara (Cadeg), responsável por abastecer o comércio de alimentos e plantas da cidade, não intimidou os poucos uruguaios presentes no local. O tradicional ponto de encontro português foi preparado para uma grande festa, com música, bandeiras de Portugal e fotos de Cristiano Ronaldo. Só que no final, a comemoração foi azul e branca.

O gol uruguaio, logo aos 7 minutos do primeiro tempo, marcado por Cavani, esfriou e deixou tensa a torcida lusitana, que só teve alívio aos 10 minutos do segundo tempo, através de Pepe. Porém, Cavani novamente voltou a marcar, aos 17 minutos, selando o destino português na copa.

Apesar da derrota, os torcedores de Portugal não demonstraram rancor e ao final aplaudiram sua seleção pelo bom futebol apresentado em campo. “Jogamos bem. O que vale é competir. Saímos de cabeça erguida. Agora é torcer pelo Brasil”, disse o empresário Marcio Almeida, que veio com a esposa e a filha pequena.

Opinião semelhante à do comerciante Carlos Cadavez, que organizou um grande espaço, com palco para apresentações e telão, onde se espremeram centenas de torcedores, com muita comida típica e ao som de música portuguesa . “O jogo foi bom. Faltaram mais finalizações. O Cristiano Ronaldo, sozinho, não pode resolver tudo. Daqui pra frente, é torcer pelo Brasil”, disse Cadavez.

Contrastando com a festa portuguesa ao lado, um pequeno restaurante de comida uruguaia, decorado com bandeirinhas do país, atraiu uma reduzida torcida azul e branca, discreta até na hora de comemorar os gols.

“Gostei do jogo. Nosso estilo é retranca e contra-ataque. Não é bonito, mas é eficiente. Que venha a França. Não temos medo de ninguém”, disse um dos sócios do restaurante, Gabriel Mosca, nascido no Uruguai, mas que mora há muitos anos no Brasil.

Edição: Sabrina Craide

 

Últimas Notícias

Deputado Marlúcio promove caminhonetadas em várias regiões de Aparecida
Dia da Árvore: desmatamento vem caindo, mas ainda há desafios
Brincar com os quatro elementos da natureza ajuda a criança a se desenvolver melhor
Meninas que praticam esportes, cuidado com a alimentação!
Indústria paulista fecha 2,5 mil postos de trabalho em agosto
Aneel descarta revisão de bandeira tarifária em conta de luz
BNDES: empréstimos para Cuba e Venezuela não deveriam ter sido feitos
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212