Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


22 de Jan de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Simpatizantes de Ortega agridem sacerdotes em igreja na Nicarágua - Jornal Brasil em Folhas
Simpatizantes de Ortega agridem sacerdotes em igreja na Nicarágua


Simpatizantes do presidente da Nicarágua, Daniel Ortega, invadiram uma igreja nesta segunda-feira (9) e agrediram jornalistas e sacerdotes – entre eles, o bispo auxiliar de Manágua, Silvio Báez. A arquidiocese da capital, Manágua, divulgou um comunicado repudiando a agressão covarde por parte de “pessoas afins ao governo e paramilitares”.

“Não importa o que fizeram conosco – os golpes que me deram, as feridas. É muito mais grave o que estão fazendo com o povo”, disse monsenhor Báez, em entrevista à imprensa nicaraguense.

O ataque ocorreu na Basílica de San Sebastian, em Diriamba – a 40 quilômetros de Managua – depois de um final de semana violento, que resultou na morte de pelo menos 11 pessoas. Mais de 300 morreram desde 18 de abril, quando milhares de nicaraguenses saíram às ruas para protestar contra uma proposta de reforma da Previdência.

Ortega revogou a medida, mas manifestações continuaram, transformando-se em movimento nacional – desta vez para pedir justiça pelas vítimas da violenta repressão e ainda a antecipação das eleições presidenciais.

Tanto a Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH), quanto a organização Anistia Internacional, acusaram as forças de segurança e grupos paramilitares ligados ao governo de “atirar para matar”. Ortega pediu a mediação da Igreja Católica em um Dialogo Nacional, com setores da sociedade, para apaziguar o país. Mas as conversações foram suspensas porque a repressão continuou e o presidente rejeitou a proposta de convocar novas eleições.

Ortega foi reeleito para um terceiro mandato consecutivo em 2016, em votação sem a presença de observadores internacionais e cujos resultados foram questionados até por seus antigos aliados.

Líder da Revolução Sandinista de 1979, que derrotou a ditadura de Anastásio Somoza, Ortega é acusado de querer instalar uma dinastia política igual à que ele combateu, quando era um guerrilheiro esquerdista.

Edição: Davi Oliveira

 

Últimas Notícias

Inep divulga resultado do Enem
Frédéric Lamotte é o novo diretor geral da CA Indosuez Wealth (Miami) e responsável Global da região das Américas
A ACIRLAG chega para impulsionar o setor econômico da região Leste de Aparecida
Receita Federal exclui 521 mil empresas devedoras do Simples Nacional
Tesouro quita R$ 4,82 bi de estados e municípios inadimplentes em 2018
Nascidos em janeiro e fevereiro começam a receber abono salarial
BB lidera lista de reclamações no último trimestre de 2018
Após recorde, Ibovespa fecha em queda e dólar em alta

MAIS NOTICIAS

 

ANP aprova credenciamento de empresa certificadora
 
 
Política de combate à inflação foi bem-sucedida, diz presidente do BC
 
 
Marcos Pontes: fusão de Embraer e Boeing preserva interesses do país
 
 
Número de linhas de celular tem maior queda do ano em novembro
 
 
ANP: Petrobras pede prazo maior para definir quais campos vai explorar
 
 
Ex-presidente do Banco Central defende política econômica do governo

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212