Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


20 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Temer viaja para Cabo Verde, que sucede Brasil na presidência da CPLP - Jornal Brasil em Folhas
Temer viaja para Cabo Verde, que sucede Brasil na presidência da CPLP


O presidente Michel Temer viaja amanhã (17) para 12ª Conferência de Chefes de Estado e de Governo da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), na Ilha do Sal, em Cabo Verde, que vai até quarta-feira (18). Na conferência, o Brasil passará o comando da comunidade para Cabo Verde.

A presidência do Brasil na CPLP começou em 1º de novembro de 2016, com o tema A CPLP e a Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável. Ocorreram 13 reuniões ministeriais no Brasil, além de encontros de técnicos e autoridades nas áreas de saúde, educação, cultura, governo digital e meio ambiente.

Criada em 1996, a CPLP é integrada por nove países: Brasil, Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Além dos países-membros, também há países associados, que não têm o português como língua principal, mas mantêm assento no fórum para discutir os projetos de desenvolvimento e cooperação.

Atualmente, são associados Mauricio, Senegal, Geórgia, Japão, Namíbia, Turquia, Eslováquia, Hungria, República Tcheca e Uruguai, e outros nove que serão aprovados nessa conferência.
Cooperação

Antes da chegada dos presidentes e chanceleres, as delegações se reúnem para examinar a cooperação birregional e reafirmar os valores que aproximam América Latina, Caribe e União Europeia no plano internacional.

No encontro, também estão previstas discussões sobre paz e segurança internacional, comércio, meio ambiente, desenvolvimento sustentável e intercâmbio em ciência e tecnologia.

A América Latina e o Caribe têm uma tradição de diálogo conjunto com a União Europeia de quase 20 anos - mais antiga, portanto, que a própria Comunidade de Estados Latino-Americanos e Caribenhos (Celac) –, que reúne 33 países e cinco línguas distintas. Desde 2011, são realizadas duas cúpulas e uma reunião de ministros das Relações Exteriores entre as duas regiões.

Com a parceria, veio o Plano de Ação, atualizado em 2015. Nele, são identificados os instrumentos e atividades voltados à criação de capacidades em diferentes áreas, como mudança do clima, pesquisa e inovação, gênero e segurança cidadã.

Edição: Fernando Fraga

 

Últimas Notícias

Estimativa do mercado para inflação cai pela quarta vez seguida
Autoridades de Cuba anunciam retorno de médicos antes do fim do ano
Guatemala monitora atividades de vulcão que pode ter novas erupções
Marcelo Piloto é extraditado do Paraguai para o Brasil
Ex-CEO da Nissan é preso no Japão suspeito de reduzir próprio lucro
Governador eleito do Rio promete nova concessão para o Maracanã
Relatório alerta que há 45 barragens sob ameaça de desabamento
Relatório alerta que há 45 barragens sob ameaça de desabamento

MAIS NOTICIAS

 

Estimativa do mercado para inflação cai pela quarta vez seguida
 
 
Autoridades de Cuba anunciam retorno de médicos antes do fim do ano
 
 
Guatemala monitora atividades de vulcão que pode ter novas erupções
 
 
Ex-CEO da Nissan é preso no Japão suspeito de reduzir próprio lucro
 
 
Governador eleito do Rio promete nova concessão para o Maracanã
 
 
Relatório alerta que há 45 barragens sob ameaça de desabamento

 


 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212