Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


18 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 PMRJ volta ao Alemão após ação em que morreram 5 suspeitos de tráfico - Jornal Brasil em Folhas
PMRJ volta ao Alemão após ação em que morreram 5 suspeitos de tráfico


O Comando de Operações Especiais da Polícia Militar do Rio de Janeiro (PMRJ) realizou hoje (16) uma operação no complexo de favelas do Alemão, na zona norte da cidade. Com a chegada dos policiais, houve confronto e um militar ficou ferido na perna, mas sem gravidade.

A ação ocorre depois da morte, por policiais militares da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP), de cinco suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas neste domingo (15). Após o episódio de domingo, líderes da organização criminosa Comando Vermelho reuniram-se na comunidade para atacar as bases das UPPs nos morros e favelas do Rio, em represália pela morte dos cinco homens.

De acordo com a PM, quatro criminosos com mandados de prisão em aberto foram presos no complexo de favelas. Um deles é o traficante conhecido como Leleque, apontado como chefe do tráfico de drogas no bairro da Trindade, em São Gonçalo, que se escondeu no Alemão, após a ação do Comando Conjunto das Forças Armadas na Segurança Pública do Rio no Complexo do Salgueiro e no Jardim Catarina, em São Gonçalo, pelo quarto dia consecutivo contra o crime organizado na região.

Homens do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) prenderam na Comunidade da Fazendinha, no Alemão, um homem com 1 quilo de cocaína e dois rádios transmissores.

Prisão no Arará

Na manhã desta terça-feira, policiais da Delegacia de Roubos e Furtos de Automóveis (DRFA), em confronto com criminosos, balearam e prenderam André Luiz Cabral dos Santos, conhecido como Lacraia, apontado como chefe do tráfico na Favela do Arará, em Benfica, zona norte do Rio.

De acordo com a Polícia Civil, Lacraia participou da reunião com líderes de grupos criminosos para organizar o ataque às bases de UPP na região, em represália à morte dos cinco traficantes, domingo, no Alemão.

Segundo a corporação, Lacraia voltou hoje ao conjunto de favelas do Alemão para confirmar a participação dele nos ataques às bases da PM. O criminoso foi ferido em um dos acessos ao Morro do Adeus pela Rua Uranos, em Olaria. Ele foi encaminhado ao hospital, onde está sob custódia da PM.

Edição: Nádia Franco

 

Últimas Notícias

Governadores pedem ao STF julgamento de processos sobre repasses
Ministro quer atrair investimentos privados para Jardim Botânico do RJ
Fies vai oferecer 100 mil vagas a juro zero para alunos de baixa renda
TJ libera R$ 13 milhões para Vale ressarcir gastos do governo mineiro
Vale pede mais tempo para analisar Termo de Ajuste Preliminar
Deputados do Rio presos podem ter posses suspensas
Vale suspende operação em barragem em Brucutu e de mina em Brumadinho
TRE-RJ mantém ex-deputado Paulo Melo inelegível até 2024

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212