Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


20 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Obama chega a Buenos Aires acompanhado por 400 empresários - Jornal Brasil em Folhas
Obama chega a Buenos Aires acompanhado por 400 empresários


O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, embarcou direto de Havana, a capital cubana, para Buenos Aires, onde chegou na madrugada (23) de hoje para se encontrar com Mauricio Macri, que acaba de completar 100 dias na presidência da Argentina. O último presidente norte-americano que visitou o país, para tratar de temas bilaterais, foi Bill Clinton, há 19 anos. Depois dele, veio George W. Bush, em 2005, com o objetivo de lançar a Área de Livre Comércio das Américas (Alca), mas foi recebido com protestos nas ruas e a oposição do Mercosul e da Venezuela ao seu projeto de integração comercial.

Obama chega acompanhado por 400 empresários, no momento em que a Argentina precisa atrair investimentos estrangeiros: os preços das commodities, cujas exportações eram a principal fonte de divisas do país, estão em queda e o Brasil, seu principal sócio comercial, está em crise. A visita do presidente norte-americano também coincide com o aniversário, nesta quinta-feira (24), dos 40 anos do golpe militar – um dos mais sangrentos da América Latina.

A pedido de organizações de direitos humanos, Obama prometeu abrir os arquivos da ditadura (1976-1983). “É um gesto significativo”, disse a ministra das Relações Exteriores, Susana Malcorra, ao lembrar que alguns desses documentos só seriam desclassificados em dez anos.

Apesar do gesto de Obama ter sido bem recebido, a presença dele em Buenos Aires, no dia do aniversário do golpe, foi desaconselhada pelo Prêmio Nobel da Paz argentino, Adolfo Perez Esquivel. “Nesta data, vamos às ruas para lembrar as vítimas de uma ditadura que, em seu momento, foi apoiada pelos Estados Unidos e para pedir verdade e justiça”, disse.

Obama viajará para Bariloche, no Sul da Argentina, amanhã. Antes disso, visitará o Parque da Memória, em Buenos Aires, construído à beira do Rio da Prata onde muitas vítimas da ditadura foram jogadas de aviões militares, nos chamados “voos da morte”.

Hoje (23), após o encontro com Macri e uma entrevista coletiva, o presidente norte-americano vai atravessar a pé a Praça de Maio, da Casa Rosada (o palácio presidencial) até a Catedral, onde o papa argentino rezava missa quando era arcebispo de Buenos Aires. O papa Francisco foi um responsáveis pela reaproximação dos Estados Unidos com Cuba, anunciada pelos presidentes Barack Obama e Raúl Castro em 2014.

Obama e Castro acabam de se encontrar em Havana, na primeira visita de um presidente norte-americano a Cuba em 88 anos. Em Buenos Aires, Obama terá também encontro com jovens empreendedores e, como Macri, falará sobre o combate ao narcotráfico e ao terrorismo.

A Argentina reforçou a segurança para a visita de Obama, depois dos atentados dessa terça-feira (22), que mataram mais de 30 pessoas e feriram centenas na Bélgica.

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212