Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


16 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Desemprego na região metropolitana de SP fica em 17% em junho - Jornal Brasil em Folhas
Desemprego na região metropolitana de SP fica em 17% em junho


A taxa de desemprego na região metropolitana de São Paulo caiu de 17,4% em maio para 17% em junho. Na comparação com o mesmo mês do ano passado, a taxa também registrou queda: no ano passado, a taxa ficou em 18,6%. O número de desempregados foi estimado em 1,88 milhão de pessoas, 31 mil pessoas a menos que na comparação com o mês anterior. Os dados são da Pesquisa de Emprego e Desemprego e foram divulgados hoje (25) pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) e pela Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados (Seade).

Segundo o Dieese, a queda na taxa de desemprego pode ser explicada pelo aumento da ocupação em intensidade superior à elevação da População Economicamente Ativa. Em junho foram abertos 110 mil postos de trabalho e 79 mil pessoas entraram no mercado de trabalho na região.

Já o número de ocupados na região metropolitana de São Paulo somou 9,19 milhões de pessoas, aumento de 1,2% em comparação a maio deste ano e de 1,2% em relação a junho do ano passado. Isso decorre, de acordo com o Dieese, pelo aumento do número de empregos na indústria de transformação, que criou 81 mil postos de trabalho, e no seor de serviços, com 47 mil vagas.

No setor privado, cresceu 0,3% o número de assalariados com carteira de trabalho e também cresceu o contingente de trabalhadores sem carteira (8,1%). Houve aumento ainda no número de trabalhadores no setor público (1,2%), de empregados domésticos (1,2%) e de trabalhadores ocupados em demais posições (4,3%). No número de autônomos houve queda de 0,5%.

Entre os meses de abril e maio, o rendimento médio real dos ocupados cresceu 0,7% e o dos assalariados, 1%, passando a R$ 2.094 e R$ 2.159 respectivamente.

Edição: Denise Griesinger

 

Últimas Notícias

Presidente Díaz-Canel defende trabalho de médicos cubanos no Brasil
Ministério vai lançar edital para repor vagas de médicos cubanos
CFM afirma que há médicos suficientes para atender Brasil
Associação lança projeto para conscientizar população sobre diabetes 2
Transposição do S. Francisco está na pauta de prioridades da transição
Temer inaugura primeira etapa do acelerador de elétrons Sirius
Temer diz que decidirá “lá na frente” reajuste de ministros do STF
Só um governador do Nordeste participa de encontro em Brasília

MAIS NOTICIAS

 

Volume de vendas do varejo cai 1,3% em setembro
 
 
Gilmar Mendes suspende decisão que obriga bancos a ressarcir clientes
 
 
Prefeitos e secretários pedem para manter cubanos no Mais Médicos
 
 
Em depoimento, Lula nega que é dono de sítio em Atibaia
 
 
Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 33 milhões no próximo sorteio
 
 
Enem: estudantes fazem hoje prova de matemática e ciências da natureza

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212