Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


16 de Oct de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Rio: manifestantes protestam contra possível corte em bolsas da Capes - Jornal Brasil em Folhas
Rio: manifestantes protestam contra possível corte em bolsas da Capes


Centenas de pessoas protestaram no Rio, na noite desta sexta-feira (3), contra a possibilidade de cortes nas bolsas oferecidas pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes). Caso a suspensão se confirme, o que foi negado hoje pelo presidente Michel Temer, a falta de dinheiro poderá afetar, em agosto do ano que vem, 93 mil estudantes e pesquisadores. O ato foi realizado na Cinelândia, em frente à Câmara Municipal.

A falta de recursos, segundo os manifestantes, acarretaria a interrupção nos projetos de pesquisa, atrasando e até inviabilizando trabalhos de anos. Para os manifestantes, se houver corte de recursos, o maior prejudicado será o próprio país, pois, além da possibilidade de uma evasão de cérebros para o exterior, levaria a prejuízos econômicos.

“A ciência e a tecnologia já vêm sofrendo cortes ano após ano. Se isso ocorrer, significa abandonarmos um projeto de soberania nacional. Sem pesquisa e sem tecnologia, é muito difícil avançar, pois aumenta a nossa dependência tecnológica internacional. Isso já está provocando uma fuga de cérebros de nosso país”, alertou Dan Gabriel D´Onofre, professor da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ) e diretor regional do Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições Superiores de Ensino (Andes).

“Estamos aqui neste ato na defesa dos investimentos para a educação, ciência e tecnologia e contra os cortes na Capes. Nós temos na Uerj [Universidade Estadual do Rio de Janeiro] um corpo de pós-graduandos muito grande, que podem ficar sem bolsa, se o orçamento de fato for cortado. Se isso ocorrer, vai acabar com a inovação e com uma perspectiva de soberania nacional, porque a pesquisa no Brasil é feita 80% nas universidades. São estudos que constroem uma tecnologia refinada, de alto rendimento, que só pode ser produzida e pensada por pessoas financiadas pelo governo”, disse Natália Trindade, estudante de mestrado de ciências sociais da Uerj.

O problema foi levantado nesta quinta-feira (2) pelo Conselho Superior da Capes. Em nota enviada ao Ministério da Educação (MEC), o conselho alertou que, se for mantido o orçamento previsto para o órgão em 2019, haverá suspensão das bolsas de pós-graduação e de programas de formação de professores no mês de agosto.

Edição: Nádia Franco

 

Últimas Notícias

Apenas 3,3% dos estudantes brasileiros querem ser professores
Viagens domésticas podem chegar a cerca de 3 milhões no feriado
Brasil está bem para resistir a choques, diz Goldfajn para FMI
Boletos vencidos a partir de R$ 100 podem ser pagos em qualquer banco
Juiz decide manter Cabral na cela de isolamento
Justiça decreta prisão de 15 milicianos que agem na zona oeste do Rio
Uma das Sete Maravilhas do Mundo, Cristo Redentor completa 87 anos
Aplicativo vai auxiliar na fiscalização de motoristas e veículos

MAIS NOTICIAS

 

Equipe de transição deve ser definida hoje à tarde, diz Caiado
 
 
ONS vai reforçar ações de segurança energética nas eleições e no Enem
 
 
Inflação medida pelo INPC sobe para 0,30% em setembro
 
 
Universidades particulares terão disciplina sobre primeira infância
 
 
Com Enem, horário de verão começa no dia 18 de novembro
 
 
Governo anuncia recursos de R$ 600 milhões para o ensino médio

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212