Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


20 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Polícia recupera 100 imóveis de conjunto do Rio tomados por criminosos - Jornal Brasil em Folhas
Polícia recupera 100 imóveis de conjunto do Rio tomados por criminosos


Trinta pessoas foram presas e 100 imóveis recuperados pelas forças de segurança do estado em uma ação conjunta realizada hoje (9), no distrito de Guarus, em Campos dos Goytacazes, norte fluminense, contra o crime organizado que age na região. A Operação Integração teve a finalidade de cumprir 126 mandados de busca e apreensão em casas populares de sete diferentes conjuntos habitacionais da cidade.

No total, mais de 800 homens do Exército e das Polícias Civil, Militar e Rodoviária Federal participaram da ação. A forças policiais destruíram também 10 barricadas colocadas pelos criminosos para impedir a entrada da polícia e apreenderam duas granadas, uma carabina e um revólver, munições para armas de diversos calibres, 20 quilos de pasta base de cocaína, além de uma moto e um carro.

De acordo com o Ministério Público do Rio, as casas populares, localizadas nos conjuntos habitacionais Codin, Eldorado, Novo Eldorado, Parque Aeroporto, Parque Prazeres, Parque Santa Clara e Santa Rosa, foram invadidas mediante violência e grave ameaça, de acordo com as investigações.

Os criminosos expulsaram os moradores de suas residências e invadiram os imóveis, chegando a executar os que resistiam à ação do grupo criminoso quando não eram atendidos. Os locais eram transformados em redutos para depósito de armas e drogas, ponto de venda de entorpecentes e abrigo de integrantes do crime.

Como a grande maioria dos moradores que teve as casas invadidas não prestou queixa à polícia, com medo de represálias, o MPRJ oficiou à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Humano e Social de Campos dos Goytacazes solicitando a listagem dos pontos referentes às casas invadidas, para que o Poder Público pudesse agir em favor das famílias prejudicadas. Nos conjuntos habitacionais, moram entre 15 mil e 18 mil pessoas que viviam amedrontadas com a ação dos criminosos.

Até o início de agosto foram registradas na delegacia de polícia de Campos (146ª DP), 154 vítimas de tentativas de homicídio e 120 vítimas de homicídio, todas com ligação com o tráfico de drogas.

Edição: Davi Oliveira

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212