Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


23 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Campanha de vacinação contra sarampo e pólio ainda tem baixa cobertura - Jornal Brasil em Folhas
Campanha de vacinação contra sarampo e pólio ainda tem baixa cobertura


Depois de quase dez dias do início da campanha de vacinação, 84% das crianças ainda não foram vacinadas contra pólio e sarampo. O balanço preliminar do Ministério da Saúde mostra que, até esta terça-feira (14), foram aplicadas 3,6 milhões de doses das vacinas contra pólio e sarampo em crianças de todo o país.

O volume representa pouco mais de 16% do público-alvo da campanha de imunização contra as duas doenças. A expectativa do ministério é vacinar pelo menos 11 milhões de crianças de 1 a 5 anos incompletos até o dia 31 de agosto, data de encerramento da campanha, iniciada no dia 6 deste mês.

Até o momento, os estados que apresentam melhor cobertura vacinal para pólio e sarampo são Rondônia e São Paulo. Os que estão com índices mais baixos são Amazonas e Roraima, justamente os estados que sofreram com surto de sarampo nos últimos meses devido à importação de um vírus que circula na Venezuela e tem causado um surto no país vizinho desde o ano passado.

O Ministério alerta os pais que a vacina é a forma mais eficaz de inibir o reaparecimento dessas doenças, que já eram consideradas eliminadas no país. Para garantir a cobertura total contra o sarampo, mesmo as crianças de até 5 anos que já tomaram alguma dose das vacinas poderão ser imunizadas com a vacina tríplice viral.

No caso da poliomielite, crianças que nunca tomaram nenhuma dose na vida receberão a Vacina Inativada Poliomielite (VIP). Já as crianças menores de cinco anos que já tomaram pelo menos uma dose da vacina, receberão apenas a gotinha (Vacina Oral Poliomielite).

O Dia D da mobilização nacional será no próximo sábado, 18 de agosto. Segundo o Ministério da Saúde, 996 municípios ainda não enviaram dados sobre o andamento da primeira semana da campanha.
Surto no Amazonas

O Ministério da Saúde informou que, até esta terça-feira, foram confirmados 910 casos de sarampo no Amazonas, onde mais 5,6 mil ainda estão em investigação. Roraima confirmou 296 casos, sendo que 17 deles são residentes da Venezuela. Outros 101 casos estão sendo investigados no estado.

Seis pessoas morreram por sarampo nos dois estados este ano. Três das vítimas são estrangeiros. Casos de infecção pelo vírus do sarampo importados do país vizinho também foram identificados em São Paulo (11), Rio de Janeiro (14), Rio Grande do Sul (13), Rondônia (12) e Pará (2).

Para impedir a proliferação da doença no país, o ministério está elaborando uma nota técnica para recomendar que a vacinação contra sarampo seja obrigatória para todos os venezuelanos que ingressarem em território brasileiro. A medida ainda vai ser analisada por outros órgãos do governo.

 

Últimas Notícias

Prévia da inflação oficial fica em 0,09% em setembro
Vendas do Tesouro Direto superam resgates em agosto
União arrecada R$ 109,751 bi em tributos em agosto
Governo mantém estimativa de crescimento econômico em 1,6% para 2018
Governo libera R$ 4,12 bilhões para ministérios
Expectativa para Assembleia Geral da ONU é de momentos de divergência
Ministério amplia medidas para barrar ingresso da peste suína africana
Brasil e Chile assinam acordo para comércio de orgânicos

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212